Coluna Politica Local – 05/09/2017 – Jornal A Gazeta

Coluna Politica Local – 05/09/2017

“O consumidor, parte vulnerável na relação, está cansado de notas de esclarecimentos que, na verdade, são sempre lacônicas e de difícil compreensão”

 

(Deputada Juliana Rodrigues (PRB) ao comentar
sobre os apagões ocorridos nos últimos dias no Acre)

 

___________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

E agora?
O deputado federal Moisés Diniz (PCdoB) está em uma situação bem delicada para 2018. Se decidir disputar uma vaga na Câmara Federal, ele sabe que terá que enfrentar uma estrutura pesado do PCdoB na eleição de Perpétua Almeida. Na Aleac, a estrutura do partido estará direcionada para eleger Edvaldo Magalhães.

Será?
Ouvi uma conversa de que o PDT, caso não consiga indicar o vice na chapa ao governo do Acre pela FPA, estuda a possibilidade de lançar candidatura própria. Até porque o partido terá, muito provavelmente, Ciro Gomes (PDT) como candidato à presidência da República, em 2018. Particularmente, não creio que isso possa ocorrer. Tchê anda muito afiado com o governador Tião Viana.

Confirmado
O presidente do PSDB, major Rocha, confirmou que a jornalista Mara Rocha será a pessoa indicada pela sigla para compor a chapa junto com Gladson Cameli (PP) na disputa à sucessão estadual. Ao que tudo indica, o assunto está definido e sem chances de voltarem atrás.

Bem na fita
O senador Jorge Viana (PT-AC), nas pesquisas de intenção de votos feitas até o momento, tem aparecido bem cotado. É o preferido do eleitor para o primeiro voto. Na última pesquisa, encomendada pelo PSDB, foi cotado também como o preferido para o segundo voto.

Melhorou de posição
O senador Sérgio Petecão (PDB) desta vez apareceu melhor avaliado, tanto no primeiro quanto no segundo voto ao Senado, ele apareceu como a opção para o segundo voto.

Tem andado
O crescimento de Petecão é resultado de muita andança no interior do Estado. Enquanto alguns pré-candidatos debatem a escolha do vice na chapa de Gladson Cameli (PP), o pedetista tem buscado fortalecer sua reeleição.

Não deve ter gostado
Quem não deve ter gostado nadinha dessa pesquisa do PSDB foi o pré-candidato ao Senado pelo PMDB, Marcio Bittar. Caiu de posição.

Ele nega
Por esses dias circulou a notícia de que o senador Sérgio Petecão indicaria sua esposa, Marfisa Galvão, para ser vice na chapa de Gladson. Ele nega qualquer intenção de indicá-la e ainda reitera que a escolha do nome deve ser feita sem qualquer imposição por parte dos partidos da aliança.

Firme na decisão
Alan Rick (DEM) segue firme e forte em sua decisão de não pleitear a vaga de vice na Cameli. Seu interesse no momento é a reeleição. Alan tem feito um bom mandato em Brasília, portanto, foi correta sua decisão de trabalhar seu retorno à Câmara.

Em destaque
A viagem do ex-presidente Lula pelos nove estados do Nordeste vem ganhando destaque no jornal britânico The Guardian. Em recente reportagem, o jornal chamou o petista de “herói da esquerda” e afirma que ele vem sendo “adulado” pelo povo nordestino.

Despencaram
Alguns deputados federais não deixaram passar despercebido o fato das emendas liberadas terem despencado após votação de denúncia contra o presidente Michel Temer. Em agosto, o governo empenhou R$ 199 milhões em emendas parlamentares, valor bem menor do que os R$ 2 bilhões empenhados em junho e os R$ 2,2 bilhões de julho, meses em que tramitou a denúncia por corrupção passiva.

Decisivo
Esta é uma semana decisiva para os deputados que buscam a sobrevivência eleitoral e já não enxergam em Temer uma boia de salvação. Neste “salve-se quem puder”, está em curso uma forte operação para aprovar nesta terça, no máximo quarta-feira, a mudança no sistema eleitoral com a adoção do distritão.

 

Assuntos desta notícia