Absurdo – Jornal A Gazeta

Absurdo

Na tarde do último domingo, 27, um homem foi preso em flagrante enquanto abusava sexualmente da enteada de apenas 10 anos de idade, em um matagal na Estrada da Floresta, em Rio Branco.

O que essa notícia provoca em você? Qual o sentimento?

Nauseada, acompanhei o fato, que ainda será mais desenrolado. Suspeita-se de que o homem, de 51 anos de idade, abusava ainda da irmã da vítima, também menor de idade.

O flagrante foi feito por um policial à paisana. Infelizmente, nem todas as vítimas do mundo poderão contar com um policial por perto para salvá-las.

É terrível pensar, mas neste exato momento alguém está sofrendo violência sexual. Na maioria das vezes, o autor do estupro é alguém da família.

Muita mulher, principalmente, deve ter lembranças ruins de tios, primos, padrastos, enfim, dos homens da família com atitudes pedófilas e criminosas. Algumas eram tão jovens que nem perceberam o que estava acontecendo. Outras devem ter marcas profundas do estupro.

A mão boba, as carícias no corpo, a conversa sobre sexo instigada por um adulto, dentre outras atitudes estiveram na infância e adolescência de muitas meninas. Os doentes podem estar em qualquer lugar. Sua filha mesmo pode estar passando por assédio e talvez você não saiba.

Conversar com as crianças de casa é importante para identificar esse tipo de situação. E, quando o fato é descoberto, não pode haver hesitação em denunciar. O crime deve ser punido ainda que as sequelas sentimentais nunca cicatrizem na vítima.

O que revolta nesses casos é que muitos estupradores estão impunes. O homem mencionado no início do texto, por exemplo, já estava com um mandado de prisão em aberto também pelo crime de estupro no município de Xapuri. E se o policial à paisana não tivesse aparecido naquele local? Se ele conseguisse mais uma vez abusar da enteada e continuasse a fazê-lo quantas vezes quisesse sem ser impedido?

Essas pessoas não estão em condições de viverem em sociedade, pois elas destroem vidas. Não dá para afrouxar as rédeas. É preciso que a lei seja obedecida.
Além disso, muito cuidado com quem você convida para entrar na sua casa e na sua vida. Conheça bem a pessoa antes de se relacionar. O mundo está cheio de lobos vestidos de cordeiro. Cuidem e proteja as crianças.

Assuntos desta notícia