Após gasolina atingir recorde, Petrobras anuncia novo aumento de 1,8% – Jornal A Gazeta

Após gasolina atingir recorde, Petrobras anuncia novo aumento de 1,8%

BRUNA MELLO

Na semana passada, o preço médio da gasolina na capital acreana era de R$ 4,76, segundo levantamento da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustível (ANP). Porém, esse valor deve subir nos próximos dias já que a Petrobras anunciou nesta segunda-feira, 27, um reajuste no preço da gasolina em 1,8% nas refinarias. O aumento começa a valer nesta terça, 28.
Por outro lado, o preço do diesel deve reduzir em 0,2%. O reajuste faz parte da nova política de revisão de preços da estatal anunciada no final de junho. Desde então, o preço da gasolina já subiu 23,2%, e o do diesel, 24%, de acordo com o banco Goldman Sachs.
Agora, a área técnica de marketing e comercialização da Petrobras pode realizar ajustes de 7% para mais ou para menos sempre que necessário. Anteriormente o reajuste ocorria pelo menos uma vez por mês. Desde a mudança, a Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustível (ANP) tem registrado recordes no preço do combustível.
A mudança tem sido alvo de críticas, sobretudo entre os sindicatos dos postos de combustíveis em todo o país. Em nota, o Sindicato dos Postos de Combustíveis do Acre (Sindepac) se posiciona contra a nova política de preços adotada pela Petrobras, acrescentando ser “preocupante” a atual situação.
“Os postos, que estão no final da cadeia de distribuição em nosso país, lamentavelmente são apontados como os vilões dos preços de combustíveis. Na verdade, é importante lembrar que a alta carga tributária que incide sobre os combustíveis (PIS/Confins/Cide/ICMS), que somente na gasolina representa em torno de 50% do preço final ao consumidor, é de fato a responsável”.
Se aqui em Rio Branco a situação é preocupante, em Cruzeiro do Sul os motoristas estão assustados. Lá, a média no preço da gasolina é de R$ 5,16, podendo chegar a R$ 5,20. Isso sem considerar o novo aumento, que deve elevar valores em todos os postos de combustível.

Dicas para economizar
Com aumentos consecutivos, economizar combustível e dinheiro é quase uma missão impossível. Por isso, o A GAZETA apresenta, mais uma vez, dicas de como reduzir gastos com combustível.
Em entrevista realizada em agosto deste ano, o especialista em mecânica, Antônio Raimundo, deu algumas dicas de como economizar. São elas:
* Realizar revisão periódica e preventiva no veículo a cada 5 mil quilômetros rodados;
* Manter a correta calibragem dos pneus;
* Verificar qualidade do combustível e dar preferência para abastecer nos períodos da manhã ou noite;
* Respeitar a troca de marchas;
* Usar o ar condicionado apenas quando necessário, pois ele aumenta o consumo em até 16%;

Assuntos desta notícia