Cláudio Porfiro – Página: 43 – Jornal A Gazeta
  • Navegante

    O INVERNO DOS ANJOS DO SOL POENTE Breves, ao largo, não parece mais que uma dúzia de casas cobertas de palha, uma delas com uma cruz no cimo. No alto de uma pequena elevação, há umas dez ou doze casas maiores de alvenaria, pintadas de...

  • Dormindo em berço esplêndido

    Mais um tema angustiante me traz à tona… E nem estou tão certo de que ainda precise me intrometer tanto. Mas vamos e venhamos. O nosso estado de coisas é tão agudo e às vezes tão deplorável que alguém tem que bater forte, com o...

  • Dormindo em berço esplêndido

    Mais um tema angustiante me traz à tona… E nem estou tão certo de que ainda precise me intrometer tanto. Mas vamos e venhamos. O nosso estado de coisas é tão agudo e às vezes tão deplorável que alguém tem que bater forte, com o...

  • Tríades nacionais por demais

    1. Acima do bem e do malPelos menos em tese, nenhum de nós, reles seres humanos, subproduto da obra de Deus, deverá postar-se acima do bem e do mal. Não haverá no paraíso terrestre alguém que não tenha uma mancha, desde que o Adão colocou...

  • Tríades nacionais por demais

    1. Acima do bem e do malPelos menos em tese, nenhum de nós, reles seres humanos, subproduto da obra de Deus, deverá postar-se acima do bem e do mal. Não haverá no paraíso terrestre alguém que não tenha uma mancha, desde que o Adão colocou...

  • Ao inferno com a Petrobras!

    E, agora, como se não bastasse, os salteadores que, na base do toma lá dá cá, distribuem combustíveis ao povo brasileiro têm já ciência do mal que estão fazendo, mas as leis e as instituições judiciárias, como os ministérios públicos, deixam-lhes agir muito a vontade,...

  • O judeu e o carrapato

    Nem quero lembrar as atrocidades cometidas pelos alemães contra os judeus pobres durante a segunda grande guerra. É claro que a perseguição aos ricos restringiu-se àqueles pouquíssimos que preferiram ser apanhados pela polícia secreta nazista, com as ventas enfiadas nos seus montes de dinheiro, a...

  • Tríades ecológicas

    1. Meu bom Artur LeiteVocê que é sobrinho de Artur e filho de José, certamente não tem culpa porque não cometeu deslize algum. As palavras aqui apostas lhe são dirigidas porque amparadas na sensatez e na sensibilidade do homem público devotado às causas que visam...

  • A competência enfim premiada

    Não é sempre que advogo causas defendidas por tecnocratas. No geral, eles são bastante pusilânimes e costumam esconder-se por trás de justificativas pálidas que cabem tão somente nas cabeças tingidas dos seus chefes também omissos, posto que tornados obesos e opulentos a partir dos gabinetes...

  • Que falta faz!

    Meu caro Angelim e munícipes. De repente, Deus viu que elaborou mulheres e homens insanos que passam pelo meu bosque e apenas vêem lenha para a fogueira que há de me torrar. Detectou também o Altíssimo ser erro da Criação fazer ou deixar germinar a...