EDITORIAL – Página: 3 – Jornal A Gazeta
  • Nada republicano

    O Brasil celebra hoje o aniversário da Proclamação da República, mas não há nada de republicano a se comemorar, com um presidente da República imposto por um golpe parlamentar e denunciado, formalmente, duas vezes por corrupção, formação de organização criminosa e obstrução à Justiça. Atendo-se...

  • Elogiável e necessária

    Elogiável e necessária essa vistoria que entidades patronais realizaram no final da semana passada às obras de construção da ponte sobreo Rio Madeira, que liga os estados do Acre e Rondônia.Mais vezes esse tipo de ação deveria ser feita em outras obras importantes para os...

  • Reformas perversas

    Sob intensos protestos dos trabalhadores e de outros segmentos da sociedade, passa a vigorar, a partir de hoje, a Reforma Trabalhista, proposta pelo Governo imposto pelo golpe parlamentar e aprovada pelo Congresso Nacional. Considerando a modernização das relações entre patrões e empregados, até se compreenderia...

  • É lamentável

    Seja pelo proverbial “complexo de vira-lata” ou porque questões de políticas menores, é lamentável que alguns segmentos políticos ainda não se deram conta da importância de o Acre participar desses encontros internacionais sobre questões ambientais, como acontece nesses dias com a Conferência das Nações Unidas...

  • Com a maior desfaçatez

    Ainda sobre a questão da segurança pública, tanto o Governo Federal quanto o Congresso concordaram com as ponderações e sugestões dos governadores que se reuniram anteontem em Brasília para apresentar a Carta do Acre, mas faltou o principal: a alocação urgente de recursos para um...

  • É preciso insistir

    Dando sequência ao encontro que realizaram aqui em Rio Branco, o governador Tião Viana e governadores de outros estados se reuniram ontem em Brasília com os presidentes do Senado e da Câmara e com o ministro da Segurança Institucional, Sergio Echtgoyen para debater o problema...

  • Saber quem é quem

    Com mais uma pesquisa sobre candidatos ao Governo do Estado e ao Senado, agitam-se os meios políticos, embora ainda seja demasiadamente cedo para fazer deduções definitivas, considerando que há muitas decisões ainda a serem tomadas que deverão influenciar a conjuntura nacional e local. De qualquer...

  • Ao trabalho

    Cessado o barulho da pirotecnia que se pretendeu fazer em torno da chamada Operação Buracos, com os dois lados apresentando suas versões, o recomendável é que as instituições, pagas com o dinheiro público, voltem ao trabalho. No caso do prefeito Marcus Alexandre,a recomendação é dispensável,...

  • Não justifica

    Ainda sobre a operação deflagrada pela Polícia Federal para apurar supostos desvios de verbas públicas destinadas à rodovias, pouco ou nada apareceu de objetivo, de concreto, que justificasse conduções coercitivas de supostos envolvidos em tais transgressões. O que declararam os condutores do processo foi um...

  • Que não se repita

    Nada a opor que órgãos de fiscalização como a Polícia Federal e outros abram investigação para apurar denúncias de desvios de recursos públicos, como foi deflagrado ontem numa operação para apurar supostos desvios de recursos destinados ao Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) e...