Dirigir em dias chuvosos exige cuidados redobrados – Jornal A Gazeta

Dirigir em dias chuvosos exige cuidados redobrados

No Acre os meses entre dezembro e abril costumam ser bastante chuvosos e essa condição climática exige ainda mais atenção ao dirigir e uma série de ações de segurança para evitar acidentes.

O principal perigo em dias de chuva é a aquaplanagem, aquela poça bem rasa de água que fica sobre o asfalto e deixa o chão bem escorregadio e que pode fazer com que os pneus não entrem em contato com o asfalto e o carro derrape. Para evitar qualquer problema em relação a esta armadilha, além de diminuir a velocidade é importante que os freios estejam em perfeito estado, assim como os pneus.

“No momento da chuva forte o ideal é encostar o carro, já que a visibilidade diminui bastante, mas se realmente houver necessidade de transitar é preciso reduzir a velocidade e acender o farol baixo para facilitar que outros condutores vejam que você está passando”, afirma o agente de trânsito da Coordenadoria Integrada de Fiscalização de Trânsito (Ciftran), Bruno Lopes.

É importante também manter mais distância ente os veículos em movimento, evitar freadas bruscas, ligar o desembaçador e limpador de para-brisa na velocidade correta, só ultrapassar com segurança, além de ter redobrar a atenção com os pedestres.

 Dicas para motociclistas

Para os motociclistas é ainda mais perigoso transitar no momento de chuvas. Por causa da sujeira nas vias, vale a pena tomar mais cuidado nos primeiros minutos de chuva, quando existe risco da moto escorregar. Portanto, não se deve subestimar qualquer tipo de chuva, mesmo as leves.

“Sob chuva, deve-se adotar uma postura adequada na moto. Nas curvas fechadas, o ideal é inclinar o corpo mais do que a linha da motocicleta. E nas abertas, a inclinação da moto deve ser a minima possível”, enfatiza Lopes.

Reduzir a velocidade e evitar desvios repentinos também são atitudes necessários para pilotar moto na chuva, bem como nunca fazer movimentos bruscos, o que pode causar desequilíbrio da motocicleta.

Manter uma distância segura do carro da frente e usar a trilha deixada pelos pneus dos carros é outra dica para quem tiver que pegar chuva pilotando uma moto.

Na estrada

De acordo com o Departamento de Trânsito (Detran), o número de acidentes nas estradas, em períodos chuvosos, aumenta em 30%. Os fatores que contribuem para esse dado são principalmente o asfalto escorregadio e a pouca visibilidade, assim como a imprudência e falta de cuidado dos motoristas.

“Na estrada os limites de velocidade permitidos são mais altos, porém durante a chuva os condutores devem evitar acelerar demais”, conclui Lopes.

Assuntos desta notícia