“É o jogo da nossa vida”, diz presidente do Atlético/AC sobre partida contra xará mineiro – Jornal A Gazeta

“É o jogo da nossa vida”, diz presidente do Atlético/AC sobre partida contra xará mineiro

 

O tão esperado jogo entre Atlético/AC e Atlético/MG está próximo de acontecer. Nesta quarta-feira, 7, o atual bicampeão estadual vai entrar em campo com força total, garante o presidente do time, Elison Azevedo. O jogo válido pela primeira fase da Copa do Brasil ocorre às 18h45, no estádio Arena da Floresta.

“É o jogo da nossa vida e nós vamos buscar a vitória, claro que respeitando o adversário. Mas a gente depende muito dessa partida para garantir tranquilidade na temporada”, afirmou.

Desde o começo da temporada, o foco do Atlético Mineiro é o jogo contra o Galo Carijó que, por sua vez, vive um dos melhores momentos da sua história. Invicto com duas vitórias no Estadual e uma na Copa Verde, o Atlético/AC vem brilhando nesta temporada.

Para atrair um grande público, a diretoria do Atlético Acreano realiza uma promoção na compra antecipada do ingresso para o confronto contra o xará mineiro. Até esta terça-feira, às 20h, o ingresso custará R$ 40. No dia do jogo, o valor será de R$ 80.

“Fizemos essa promoção justamente para o público ter acesso, comparecer e incentivar nossa equipe. Esperamos um bom público com aproximadamente cinco mil torcedores”, acrescentou o presidente.

Os ingressos com preços promocionais para o jogo podem ser comprados na rede de Supermercados Araújo. A diretoria colocou um lote de cinco mil bilhetes à venda.

Histórico do confronto

O confronto da primeira fase da Copa do Brasil 2018 envolvendo as equipes do Atlético Acreano e Atlético Mineiro não será inédito. Os dois clubes já se enfrentaram em julho de 1992 pela mesma competição. No primeiro duelo, dia 14, ocorrido em Rio Branco/AC, estádio José de Melo, vitória apertado dos mineiros por 1 a 0, gol de André Figueiredo. No jogo da volta, dia 28, os mineiros venceram novamente, mas agora por 2 a 0, em jogo realizado no estádio Mineirão, em Belo Horizonte/MG.

Com a vaga assegurada, o Galo mineiro seguiu na competição, mas acabou eliminado pelo Criciúma/SC, após vitória em casa por 3 a 2 e derrota fora de casa por 1 a 0. Nesta edição do torneio, o título ficou com Internacional/RS após superar nos critérios técnicos (maior número de gols marcados na casa do adversário) o Fluminense.

O presidente do time, Elison Azevedo.
Assuntos desta notícia