Férias de julho e opções de programação para a criançada

Postado em 14/07/2017 16:32:23

Enfim, julho chegou e com eles as tão sonhadas férias! Nesse período, às vezes por falta de conhecimento, os pais ficam perdidos sobre como ocupar o tempo livre dos filhos. Pensando nisso, o Jornal A GAZETA vai listar aqui as opções de entretenimento disponíveis nesse período em Rio Branco.

Para quem não vai viajar, ou não tem a disponibilidade de uma fazenda para curtir os dias de lazer, uma dica legal é aproveitar o tempo livre para realizar atividades em grupo. Pensando nisso, o Atelier das Gostosuras está oferecendo um curso de mini masterchefe.

As inscrições já estão abertas e, para aproveitar o período de férias escolares, o público alvo dessa primeira edição do curso é voltado apenas para crianças a partir dos quatro anos de idade.

De acordo com a sócia-proprietária, Pamela Souza, o objetivo é fechar turmas pequenas para que, juntas, as crianças possam fazer as receitas.

“Vamos promover a interação entre elas. Ao longo da semana vamos trabalhar as receitas de cupcake, biscoito, bolo decorado e brigadeiros. As crianças gostam de colocar a mão na massa, e queremos incentivar esse comportamento”, destacou Pamela.

O curso acontecerá das 8h às 11h. Será oferecido um lanche para crianças. As inscrições devem ser feitas na própria loja. Segundo Pamela, o preço cobrado será bem popular e a primeira edição vai durar uma semana. Mas, ela anunciou que está programando outros cursos ao longo do mês.

“Temos um público infantil grande e vamos trabalhar nas receitas que eles mais gostam na loja. O curso acontecerá no novo espaço da loja, localizado no segundo piso”, confirmou Pamela.

Outras informações podem ser obtidas através dos telefones 99949-0052 ou pelas páginas oficiais do Atelier no Facebook ou no Instagram.

Para quem não puder participar do curso, o Atelier está localizado em uma agradável área que oferece produtos de qualidade para todos os paladares.

Pamela aproveitou a oportunidade, para anunciar o lançamento do salgado maromba. Mas, se você pensou em um alimento sem gosto, está muito enganado.

“O salgado maromba é voltado para aquelas pessoas que fazem dieta ou possuem alguma restrição alimentar. Produzido sem carboidratos e congelados para que o cliente possa assar no conforto de casa”, confirmou a jovem empreendedora.

Entre outros ingredientes, os produtos são compostos por batata doce com recheio de tomate e bacon artesanal. Coxinha de batata doce com chia, frango temperado com noz moscada e passado na linhaça dourada.

“Temos outra opção de salgado de cenoura com quinoa com recheio de atum, além de outro que possui a massa de brócolis e linhaça com recheio de frango. Além dos pães com recheio de frango. Todos eles na linha low carb”, confirmou Pamela.

Todos os produtos serão assinados e terão a tabela nutricional promovido por uma nutricionista. “Todas as receitas são nossas, tem a nossa qualidade. Nenhuma receita de internet”, comentou Pamela.

Outro diferencial no lançamento é que os salgados têm formato de quibe, um item da culinária acreana tão tradicional. Ou em formato de coxinha, por exemplo.

“Os salgados estarão disponíveis para o delivery. Já que quem faz dieta ou tem restrição alimentar não se interessa em vir na loja, por conta das delícias que oferecemos aqui. Nós entendemos, mas queremos atingir e agregar também a esse público. Além de oferecer um produto gostoso, diferente e com qualidade”, detalhou Pamela.

Biblioteca Pública

Uma opção de lazer, estudo e cultura, a Biblioteca Pública é um tipo de local atemporal. Perfeito para se refugiar do calor, ler um livro, ou apresentar o mundo lúdico da literatura às crianças.

Com uma área exclusiva para crianças, a biblioteca, além de vários livros infanto-juvenis, também possui uma brinquedoteca.

Atelier das Gostosuras está oferecendo um curso de mini masterchefe

editorial

Oportuna e necessária

 

De todo oportuna e necessária esta operação deflagrada ontem pela Polícia Federal e a Controladoria geral da União (CGU) para apurar desvios de recursos federais praticados por uma organização criminosa destinados às populações indígenas do Alto Purus. Faltou apenas dar nomes aos suspeitos. Oportuna e necessária, porque há muitos anos que ...

Leia mais...

clima

Rio Branco - AC
agazetanofacebook