Gazetinhas 05/12/14 – Jornal A Gazeta

Gazetinhas 05/12/14

* Devagar, devagarinho…

* Assim continua sendo o ritmo da Assembleia Legislativa.

* Trabalho tem…

* O que falta são os deputados se interessarem em votar os projetos pendentes na Casa, que são muitos, diga-se de passagem.

* Votar projeto que nada…

* O momento é de articular os cargos da Mesa Diretora.

* Dizem as boas línguas que a disputa está acirrada.

* E, ao que consta, a briga para assumir o cargo ultrapassa a linha da boa conduta.

* Até deputado derrotado no pleito de 2014 está querendo ser beneficiado…

* Jesus!

* Óleo de peroba para presentear essa cara de pau.

* Enfim…

* Manoel Moraes, Éber Machado e Maria Antônia (leia-se Dêda) pleiteiam a vaga.

* Mas, pelo andar da carruagem, ela será ocupada pelo deputado Manoel Moraes.

* A pressão para que ele não assuma é grande…

* Ele garante que está tranquilo…

* Sendo escolhido ou não, diz ele que sua vida não mudará em nada.

* Tá certo!

* O deputado federal Gladson Cameli desde que venceu a disputa ao Senado anda mais elétrico do que nunca.

* O homem não pára!

* Nesta sexta-feira ele estará visitando o canteiro de obras da ponte sobre o Rio Madeira.

* O objetivo da visita é para reafirmar seu compromisso com a construção da ponte.

* Enquanto na Aleac as coisas estão quase parando, a Câmara Municipal segue agitada no que diz respeito à disputa a presidência da Casa.

* Na realidade, a Mesa já está definida, aguardando apenas o momento de oficializar os nomes que irão compor o novo quadro da Mesa Diretora.

* Quanto a isso, o martelo já foi batido e Artêmio será o novo presidente.

* Resta agora desejar sorte ao novo comandante do parlamento mirim.

* E, para encerrar, temos alguns nomes para assumir as secretarias do governo.

* Nomes, pelo visto, mais do confirmados.

* Na Secretaria de Segurança Pública, sai Reni Graebner e entrará Emylson Farias.

* E na vaga dele à frente da Polícia Civil deve assumir o corregedor, delegado Carlos Flávio Gomes Portela.

* Na Saúde (Sesacre), o nome forte é o do procurador Armando Melo.

* Na Educação, Marcos Brandão (que assumiu quando Daniel Zen estava em campanha) deve permanecer fazendo um bom trabalho.

* Na pasta de Pequenos Negócios, a juventude de Henri Nogueira vai fazer a diferença.

* Por enquanto é só, pessoal. Mas nos próximos dias tem mais.

* Interinos: Marcela Jansen
e Tiago Martinello

Assuntos desta notícia