Gazetinhas 07/01/2017

Postado em 07/01/2017 00:25:30 MAÍRA MARTINELLO

*Dias duros, difíceis na Segurança Pública do país.

*E ontem foi o dia de Roraima noticiar o massacre de presos, na maior penitenciária de Boa Vista.

*33 pessoas cruelmente “destroçadas”, como definiu o próprio secretário de Justiça daquele Estado.

*Segundo ele, uma “matança” de responsabilidade dos presos do PCC.

*Mas, enquanto a população e os governadores das capitais da região Norte se assombram e se perguntam aonde ocorrerá a próxima chacina…

*O Governo Federal continua a minimizar o problema, colocando panos quentes na guerra entre facções criminosas que avança e dita as regras do sistema penitenciário brasileiro.

*Primeiro, vem o próprio presidente Michel Temer, classificando o massacre no Amazonas com um “acidente pavoroso”…

*E jogando a responsabilidade na empresa terceirizada responsável pela administração do presídio.

*(Oi?!).

*E, ontem, o ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, qualificando o caso de Roraima como um mero “acerto interno” entre os detentos da penitenciária…

* “Aparentemente” sem nenhuma ligação com retaliações do PCC.

*Me poupem, se poupem, nos poupem, excelências!

*Mais alguns dias de omissão diante tanta barbárie e sabe Deus as próximas decisões que os líderes do narcotráfico tomarão para o Brasil.

*Enquanto isso, em Brasília…

*Governador Tião Viana participou de audiência com a presidente do STF, ministra Carmén Lúcia, buscando ajuda para a transferência de presos do Acre para o presídio federal de Mossoró-RN.

*Uma luta antiga do governo acreano, que se intensifica na medida em que os riscos de novos conflitos nos presídios estaduais se tornam mais graves e iminentes.

*Após a notícia do ocorrido em Roraima, a Secretaria de Segurança Pública do Acre anunciou o isolamento de 44 líderes do crime organizado no Regime Disciplinar Diferenciado (RDD) do presídio Antônio Amaro.

*E o reforço do policiamento em regiões estratégicas da cidade.

*Medidas preventivas e, de fato, necessárias para tentar evitar novas rebeliões e ataques decorrentes da disputa por território entre as ditas facções…

*Mas, nem de longe, soluções, de fato, definitivas e seguras para conter o terror que estes criminosos são capazes de promover.

*De mãos atadas…

*Vamos acompanhar.

*Leitora telefona para comentar o “bom agouro” da “capa falsa” da primeira edição do ano deste matutino:

* “E não é que logo na primeira semana de 2017 o governo anunciou centenas de vagas em concurso?!”, disse ela, todo serelepezinha.

*Agora, falta o Friale acertar o previsão.

*Ririri.

*Essa GAZETA…

editorial

Tudo a ver

 

Agora, não é mais um político da oposição que está afirmando. É o comandante do Exército Brasileiro, general Eduardo Villas Boas, que está alertando que os sucessivos cortes que vem sendo feitos elo Governo Federal chegaram a tal ponto que comprometem a segurança nas fronteiras. Esses cortes são tão perversos que, ...

Leia mais...

clima

Rio Branco - AC
agazetanofacebook