Gazetinhas – 11.04.2018 – Jornal A Gazeta

Gazetinhas – 11.04.2018

*Nada como um toque feminino pra deixar tudo mais alegre e mais bonito!
*Huuum.
*É o que estão dizendo alguns servidores da Prefeitura de Rio Branco, já empolgados com a nova gestão da prefeita Socorro Neri.
*Nova, sim, mas sem mudanças radicais.
*Foi esse o caminho escolhido por Socorro Neri, pelo menos neste início do mandato.
*Fez alguns ajustes na equipe, o que é absolutamente natural, mas manteve cargos estratégicos, indicados pelo PT e pelo ex-prefeito Marcus Alexandre.
*E parece que deu certo.
*Embora haja uma crítica aqui, outra ali, de que a prefeita, desse modo, não conseguirá imprimir a própria marca à gestão…
*Por outro lado, demonstra a lealdade dela com os compromissos assumidos, durante a campanha, com seus parceiros;
*E, mais do que isso, a prudência e a responsabilidade para ir, primeiro, sentindo o terreno, antes de modificá-lo (ou tumultuá-lo) com decisões precipitadas, vaidosas e nem sempre acertadas.
*Uma característica própria das mulheres sábias e inteligentes.
*Mas, como nem tudo são flores, principalmente num Estado pobre e enjoado como o nosso…
*Entre os primeiros abacaxis para serem descascados por Socorro Neri está a análise do polêmico “Estatuto da família”, aprovado pela maioria dos vereadores da Capital.
*Segundo ela, o assunto será tratado “como determina a lei”.
*E dada a pressão de movimentos sociais e das decisões legais sobre o tema, por exemplo no Supremo Tribunal Federal, é esperado que o PL seja, então, vetado.
*Aí, restaria aos vereadores derrubarem o veto e promulgarem a lei.
*Vamos ver quem tem coragem, depois de tomar umas vaias e ovadas por aí.
*Ririri.
*Mas, falando sério:
*Seria uma oportunidade para nossos parlamentares reverem o posicionamento tão equivocado e corrigirem o erro perante o movimento LGBT e a toda sociedade sensata, humana, que não suporta mais tanta hipocrisia.
*Enfim…
*Deputado Ney Amorim “caiu pra cima”, como se diz, com a desistência da secretária Márcia Regina à primeira suplência dele e a escolha do empresário João Albuquerque para a função.
*É que a decisão foi muito bem aceita pelos empresários locais, que se sentiram, enfim, mais representados na chapa, e devem aumentar o apoio à candidatura do petista.
*Em reunião realizada na noite da última segunda-feira, na Fieac, o clima era de entusiasmo.
*Todos positivamente surpresos com a nova proposta de atuação e a capacidade de articulação do presidente da Aleac.
*O Dim só quer saber o que o senador Jorge Viana está achando disso tudo.
* (É um encrenqueiro!Tsc, tsc, tsc.)
*Está tudo entre amigos, querido.
*Que língua.

Assuntos desta notícia