Gazetinhas – 11/11/2017 – Jornal A Gazeta

Gazetinhas – 11/11/2017

*Chuva, muita chuva nessa prévia de inverno amazônico.
*E segundo nosso brujo Davi Friale, o tempo do final de semana deve continuar assim:
*Instável, chuvoso, cinzento…
*Tem que goste.
*Mas, para uns e outros, bate mesmo é aquela melancolia.
*E parece que uma nuvem negra também anda pairando pela Prefeitura de Rio Branco, na cola do prefeito Marcus Alexandre.
*Vá de retro, né, prefeito?!
*Repreendemos!
*Depois dos recentes acontecimentos nada agradáveis com a famigerada condução coercitiva pela Polícia Federal, Marcus Alexandre tem tentado seguir adiante para não perder o bom ritmo de trabalho.
*Mas, dia vai, dia vem, e a saraivada de críticas e acusações dos opositores parece estar longe de chegar ao fim.
*Ontem, foi o dia de mais um protesto, dessa vez, dos motofretistas, no Centro de Rio Branco.
*E um deles, mais esquentadinho, saiu-se com essa:
* “Como você quer ser governador se não consegue resolver o problema de 35 pessoas?”, questionou, referindo-se ao prefeito.
*É…
*Tá ficando pesado.
*E o tom e teor das manifestações, nas ruas ou nas tribunas das casas legislativas, mostram que os ataques a Marcus Alexandre, de fato, já tem cunho totalmente eleitoral…
*Revelando uma prévia da campanha dura, sofrida, baixa até (não tenham dúvidas), que muitos candidatos enfrentarão no ano que está por vir.
*Haja estômago para suportar tanta maldade e hipocrisia.
*Enfim…
*Se achar uma mala perdida por aí, leitor…
*Alerta: não toque, não abra!
*Humor negro pra falar de mais uma notícia chocante, fruto da onda de violência que vem atemorizando a população da Capital.
*Na manhã de ontem, o Corpo de Bombeiros foi acionado para resgatar mais uma mala “suspeita” no igarapé Judia…
*E eis que o conteúdo era o restante do corpo esquartejado, encontrado no início da semana.
*Barbaridade!
*Aonde vamos parar com tanta estupidez humana?
*Leitor atento, José Ribamar, morador da Cohab do Bosque, liga para comentar que tem sentido uma melhora no “clima de segurança” da cidade, com o aumento do policiamento, nas últimas noites…
*E elogia a decisão da Secretaria de Segurança de antecipar a operação Papai Noel.
* “Tem que ter PM, tem que ter Exército nas ruas mesmo! Eu reconheço: governador e o secretário estão agindo…”.
*Mas, adverte:
* “Só que esta medida deve ser permanente. Não dá pra achar que melhorou e voltar tudo como era antes. Bandido não sai de férias, não. E a população precisa de uma resposta efetiva”.
*Tá certo ele.
*Na esperança de dias melhores, vamos em frente.

Assuntos desta notícia