Gazetinhas – 17/10/2017 – Jornal A Gazeta

Gazetinhas – 17/10/2017

*Corre outubro…
*E a segunda quinzena do mês será de ainda mais trabalho e planejamento para as secretarias do Governo do Estado envolvidas com a organização de dois importantes encontros nacionais que serão sediados no Acre.
*No próximo dia 26, o 16º Fórum de Governadores da Amazônia Legal;
*E no dia seguinte, 27, o Encontro de Governadores do Brasil pela Segurança Pública e Controle das Fronteiras – Narcotráfico, uma emergência nacional.
*Pra quem conhece criador e criatura, até a titulação do tema do evento já revela, de cara, que todos os detalhes estão sendo tratados pessoalmente pelo próprio anfitrião.
*Cri cricri.
*E não poderia ser diferente.
*Afinal, não é de hoje que a debate sobre a segurança nas fronteiras e a expansão do narcotráfico na Amazônia vem sendo colocado em evidência pelo governador acreano.
*Em entrevista coletiva, ontem, Tião Viana voltou a repetir o alerta sobre os problemas…
*E, cada vez mais, com a dureza e a transparência de que o assunto necessita:
* “A Amazônia hoje já é pior do que a Colômbia do anos 80 de Pablo Escobar”, disse ele, novamente.
*A expectativa do sempre otimista governador é de que, do encontro em Rio Branco, saiam estratégias e medidas reais para a construção de um Sistema Nacional de Segurança Pública…
*E a criação de uma Força-Tarefa Nacional de combate ostensivo às drogas e pela proteção e fechamento das nossas fronteiras.
*Pode parecer sonhador, utópico até…
*Mas, quem diria, há poucos meses, que o Estado sediaria um evento desta envergadura…?
*E com as presenças confirmadas do presidente Michel Temer; da presidente do STF, ministra Cármen Lúcia;da procuradora-geral da República, Raquel Dodge; e dos presidentes da Câmara, Rodrigo Maia, e do Senado, Eunício Oliveira.
*Eita, Acre enjoado de guerra!
*Deixemo-nos contaminar pelo otimismusvianismusagudus…
*Ririri.
*E vamos acompanhar!
*Falando de Michel Temer…
* Vale comentar o “desabafo” do presidente, em carta enviada ao Congresso Nacional, para se defender das acusações feitasna delação de Lúcio Funaro.
*Temer começa a carta falando de sua “indignação” com “as torpezas e vilezas” que “tem vindo à luz”…
*E que deixam clara a “conspiração” para derrubá-lo da presidência da República.
*Tsc, tsc, tsc.
*Seria trágico, se não fosse cômico.
* “Torpezas e vilezas”? Traição? Conspiração?
*Ora, presidente…
*Sem nenhuma defesa pessoal e ideológica e, tampouco, paixão partidária envolvida…
*Qualquer semelhança com fatos e presidentas reais e recentes não é mera coincidência.

Assuntos desta notícia