Jornal A Gazeta

Homem desacelera carro para passar por rua esburacada, é rendido e feito refém por 5 horas com mulher e filho de 3 anos

Uma família passou por momentos de terror ao ficar na mira de assaltantes na noite desta quarta-feira, 7. Cristovão Vilanova conta que estava voltando de um encontro de casais com a mulher e o filho de 3 anos, quando passou por um trecho esburaco da Avenida Mâncio Lima, em Cruzeiro do Sul. Ao reduzir a velocidade, ele e a família foram abordados pelos bandidos.

Ele conta que o assaltante pediu que ele descesse do carro porque precisava fazer uma missão. A família foi levada para um matagal, onde ficou até às 3h. Ao todo, seis criminosos participaram do crime.

“Me levaram com minha família para uma área de mata. Depois voltaram ao local e disseram que tinham outra missão e saíram novamente. Retornaram às 3 h da manhã e falaram que iam levar meu carro e abandonar em algum lugar e mandaram eu ir para casa ou registrar boletim na delegacia, pois meu carro seria abandonado em algum local”, conta a vítima.

Após serem liberadas pelos bandidos, as vítimas foram a pé para a casa de um vizinho e pediram ajuda. Os assaltantes levaram ainda documentos, cerca de R$ 1,5 mil, semijoias, tablete, celulares, alianças, além de outros objetos pessoais.

O delegado Alexnaldo Batista, que está investigando o caso, imagens das câmeras de segurança devem ser analisadas para facilitar a investigação.

“Estamos investigando. A família transitava próximo a Vila Rica, foram abordados por criminosos, mantidos em cárcere, subtraíram os objetos de valor, o dinheiro e causaram um trauma grande a família. Vamos pedir imagens de câmeras para tentar chegar aos autores desse crime”, diz.

O carro da família foi achado abandonado no início da tarde desta quinta no bairro da Lagoa.