Rio Juruá continua subindo e se aproxima da cota de transbordamento

Postado em 10/01/2017 16:36:21 BRUNA MELLO

 Em Cruzeiro do Sul, o Rio Juruá continua subindo e na manhã desta terça-feira, 10, atingiu 12,53 metros, se aproximando da cota de transbordamento, que é de 13 metros. O Corpo de Bombeiros segue monitorando a situação do manancial.

Segundo o comandante do Corpo de Bombeiros do Estado, coronel Marcelo Araújo, a previsão é que o rio continue subindo nas próximas 24 horas, mas estabilize por pelo menos uma semana.

“A previsão que temos é de tempo nublado e chuvas esparsas para os próximos dias. Mas acreditamos que o rio vá estabilizar”, disse.

Durante a última semana, o Rio Juruá se manteve acima da cota de alerta, que é de 11,80 metros. O coronel explica que se o manancial atingir a cota de transbordamento, as famílias ribeirinhas permanecem em suas residências. “Aqui as famílias só são retiradas de suas residências quando o rio está acima de 13 metros”.

Como medida de segurança, a Eletrobrás Distribuição Acre suspendeu o fornecimento de energia dos bairros Lagoa e Boca Moa. Ao todo, 222 famílias estão no escuro. A cheia do rio afeta diretamente cinco bairros: Lagoa, Várzea, São Salvador, Miritizal e Olivença.

De acordo com o Plano de Contingência do município, em caso de alagação do Rio Juruá as primeiras 30 famílias afetadas sairão de suas residências e passarão a receber o benefício do aluguel social.

Rio Acre sobe 27 centímetros nas últimas 24h

Na Capital, apesar do nível do Rio Acre estar longe de 14 metros, que é a cota de transbordamento, as águas estão subindo rapidamente. Nas últimas 24h o manancial aumentou 27 centímetros. Na segunda-feira, 9, o rio marcava 7,32 metros, nesta terça-feira, o nível era de 7,59 metros, de acordo com o monitoramento realizado pela Defesa Civil.

Vale lembrar que o Acre está na metade do período conhecido como inverno amazônico – caracterizado por grande volume de chuvas na região. Por esse motivo, a Defesa Civil não descarta a possibilidade de uma enchente. A previsão para os próximos dias é de chuva em todo o estado, sobretudo nas cabeceiras do rio.

 

 

editorial

Ajuda, mas não resolve

 

A transferência desses 15 presos tidos como “chefes” de facções criminosas de Rio Branco para Mossoró, no Rio Grande do Norte, embora tardia, diante dos apelos do Governo do Estado, pode contribuir para evitar problemas ou até mesmo alguma chacina também aqui no Estado, mas não resolve a questão da ...

Leia mais...

clima

Rio Branco - AC
agazetanofacebook