Política local 22/11/2009

“Quem muito se abaixa para ser servil, o fundo aparece e não é respeitado”.

Ditado popular.

Pit-bulls da fronteira
A Câmara Municipal de Plácido de Castro virou rinha de pit-bull.  Os vereadores Tavares (PMDB), Jamilene (PMDB), Laurita  (PSL) e Socorro (PTN) estão botando para cassar o mandato do vereador Alisson Ferreira (PTB) como o boi brabo botou no Timóteo. Pediram que o presidente Edvaldo Melo (PT) dê por extinto o mandato de Alisson, por ele faltar às sessões além do permitido.

Camisa de força
O quarteto de pit-bulls deixou o presidente da Câmara Municipal, Edvaldo Melo (PT), numa camisa de força. Pelo Decreto-Lei 2001, nestes casos, ou o presidente declara extinto o mandato do faltoso contumaz, ou sobra para ele.

Não existe
Afirmo sem nenhum temor de errar: perto da Câmara Municipal de Plácido de Castro, as Câmaras dos demais municípios acreanos são verdadeiros conventos de frades e freiras.

Bom exemplo
Acho que este debate intenso na Câmara Municipal de Plácido de Castro é um bom exemplo. Vereador não foi eleito para ficar babando saco, lambendo as botas de quem está no poder, e nem para dizer amén a atos errados.

Bom presente
O vereador Jessé Santiago (PSB) estará lançando até o fim do ano um CD de músicas evangélicas. Eis aí um bom presente para quem tem menino danado em casa. Para acabar com a danação basta ameaçar tocar o CD do Jessé. É um santo remédio!.

Tudo legal
Tive acesso aos documentos de compra de um trator pelo colono Sebastião Cândido pelo FNO, em Brasiléia, com quatro anos de carência. Tudo legal. Se bem que em momento alguém se contestou a licitude, apenas se noticiou a operação.

Passear a vontade
Bastião, meu amigo, pode passear a vontade no seu trator, o “Trovão Azul”, pelos ramais de Brasiléia.

Nomes novos
Se aparecerem como bem votados na eleição de 2010 para a Assembléia Legislativa, não estranhem: Jesus (Cruzeiro do Sul) e Abner (Feijó).

Conversa confirmada
O deputado federal Flaviano Melo (PMDB) confirmou a conversa com a direção nacional do PSDB, na próxima semana, para tratar do fechamento de uma aliança no Acre, pela qual o PMDB indica o candidato ao governo e o PSDB a senador.

Caminhando rápido
As coisas estão caminhando rápido para que já no início de 2010 seja anunciada a coligação de peemedebistas e tucanos.

Algo impressionante
Chega ser impressionante, seja a discussão com políticos da FPA ou da própria oposição: quando se fala em eleição para o Senado, o nome do ex-governador Jorge Viana (PT) é dado como eleito e mais votado.

Tônica diferente
Já quando o assunto é a segunda vaga do Senado, aí as opiniões são divergentes, e com a maioria delas achando que a oposição pode abiscoitar a segunda cadeira, dependendo do candidato a ser lançado.

É um obstinado
Não vai ser fácil dentro do PT convencer o deputado federal Fernando Melo (PT) desistir da sua candidatura para a segunda vaga do Senado. Está muito mais articulado nas bases do que se possa imaginar.

Preto graúna
Para se mostrar mais remoçado ao eleitorado jovem (será candidato a deputado), o apresentador de televisão, Edvaldo Sousa, desfila com o cabelo tingido de preto graúna.

Pulando na garupa
O deputado Donald Fernandes (PSDB) espera apenas ser oficializada a candidatura de Márcio Bittar (PSDB) ao Senado para pular na garupa com sua candidatura a deputado federal.

Padrinho de peso
O prefeito de Cruzeiro do Sul, Wagner Sales, com quem conversa tem dito que vai colocar Márcio Bittar debaixo do braço e sair pedindo votos na cidade, altos rios, igarapés, para a sua candidatura ao Senado.

Terceira vez
Com o PCdoB saindo com chapa própria para deputado estadual quem mais se fortalecerá será a deputada federal Perpétua Almeida (PCdoB), que passa ser a favorita para fechar mais uma eleição como a mais votada para a Câmara Federal.

Quadro de Feijó
Não será nenhum Deus nos acuda, algo inesperado, se a candidata a prefeita de Feijó, Jaciara Rodrigues (PT) vencer a eleição de hoje, mas, a candidatura do Dindim (PSDB), segundo as análises isentas, continua com um leve favoritismo.

Eleitorado de peso
Feijó não é nenhum peso morto no mapa eleitoral do Acre. O município é o terceiro colégio em número de votos no Estado.

Reduto petista
Nas últimas eleições o município de Feijó tem sido um dos mais fiéis redutos do PT, no interior. Uma derrota para a oposição seria algo para acender a luz vermelha para 2010.

Perto de saber
Como são pesquisas passionais, resta aguardar o resultado da eleição deste domingo.

Muito bem
Outro dos novos prefeitos que está muito bem na fita é o Padeiro (PMDB), no Bujari. É opinião majoritária entre os moradores.

Tem que ter opinião

A Câmara Municipal de Rio Branco perdeu a grande oportunidade de mostrar independência neste episódio da realização da “Audiência Pública”, quando as principais autoridades da área da Segurança Pública não deram nem bola para o convite da mesa diretora para as suas participações. Nem responderam. Como a atual mesa é uma extensão da PMRB, não esperem nenhum grito de revolta, só amém e  sim senhor. Depois os políticos bradam que não são respeitados pelos governantes. Não fazem por onde.

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation