Caminhoneiro é morto a tiro durante assalto a Posto de combustível na BR 364

morte
O crime aconteceu por volta das 2hs da madrugada esta quarta-feira, 18, a vítima foi o caminhoneiro Eustaquio Ribeiro Avelar, 49 anos, natural do estado de Minas Gerais.

Ele foi assassinado durante um assalto no Mega Auto Posto, localizado na altura do km 3 da BR 364, sentido rio Branco/Porto Velho.

Segundo o que a polícia conseguiu apurar o caminhoneiro estava estacionado no Posto e conversava com o frentista , quando dois homens encapuzados e armados se aproximaram e renderam as vítimas.

Um assaltante teria encostado a arma na cabeça do frentista e mandou que todos deitassem no chão.

Em seguida começou a exigir dinheiro e meter a mão no bolso de Eustaquio, que avisou que o dinheiro estava dentro da cabine do caminhão.

Enquanto isso o outro assaltante rendeu outraspessoas  e roubava dinheiro. Aparentando excesso de nervosismo o assaltante que estava rendendo o frentista e o caminhoneiro obrigou as vítimas a deitarem no chão e quando todos estavam de cabeça para o solo ouviu-se um disparo e os criminosos saíram em fuga.

Foi quando Eustaquio pediu socorro avisando que havia sido baleado. No mesmo instante uma viatura da Polícia Militar passava nas proximidades quando os militares ouviram o tiro e saíram em direção ao Posto.

Mas, nesse momento várias pessoas corriam temendo novos disparos e os policiais sem saber exatamente o que havia acontecido não conseguiram detectar a fuga dos assaltantes que fugiram a pé.

Uma equipe de paramédicos do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência  Samu foi acionada, mas quando os profissionais de saúde chegaram no local a vítima já estava sem vida.

Um frentista contou a polícia que minutos antes do assalto, um rapaz moreno magro, passou olhando para as pessoas que estavam no Posto.

Supostamente tenha sido um dos assaltantes que estaria fazendo um “estudo” do local para retornar e cometer o assalto.

Assuntos desta notícia

Join the Conversation