Microssérie é a alternativa para evitar problemas com o BBB

Em outras temporadas, atores da Globo não poupavam críticas ao fato de a emissora exibir minisséries depois do “Big Brother” e do futebol. Alvos de enorme investimento, as produções entravam muito tarde e não registravam audiências tão boas.

Um negócio que era ruim também para o telespectador.

Em 2007, as críticas de Glória Perez e Christiane Torloni, durante a exibição de “Amazônia”, alcançaram forte repercussão. Outros profissionais, na mesma ocasião, fizeram coro.

Vale lembrar até que se cogitou, no Projac, a idéia de não apostar em séries em janeiro, para priorizar o reality – que já se transformou num dos principais faturamentos da emissora em toda temporada.

Porém, com a mexida em algumas peças – séries mais curtas, no ar, antes do “BBB” e lançamentos após a nova programação – a direção da Globo apresenta uma opção de grade interessante. Uma solução, que pode virar regra, desde que seus autores produzam bons trabalhos direcionados ao período e nas condições estabelecidas, ou seja, formato de microssérie.  

Como se observa, é possível buscar um caminho para que os dois produtos – dramaturgia e reality show – possam chegar ao público de forma harmoniosa. Sem estresse.

Ufa!
Alívio geral. Não se confirmam os rumores de um novo  título para a novela do Silvio de Abreu. “Passione” está em pé e tem amplas possibilidades de ser confirmado como definitivo.
“Romance”, certamente, é uma outra história. A Globo registrou, mas ainda não divulga do que se trata.
 
A conferir
Segundo alguém muito próximo do alto comando da Bandeirantes, 30 de abril será o último dia do religioso RR Soares na programação nobre da emissora.
E mais: que na primeira semana de maio, o horário das 21 horas será ocupado por séries da HBO.

Valendo
O SBT vai gravar, segunda-feira, o piloto definitivo do “Jogo das Loiras”, só que o nome do apresentador ainda não é conhecido. Silvio Santos não definiu ninguém. Numa dessas pode escolher ele mesmo. A direção geral é do Caco Rodrigues e direção do Walter Rodrigues. Em tempo: nenhum parentesco entre os dois.

Um problema
Alberto Pecegueiro, diretor da Globosat, não tem uma data escolhida para o lançamento do canal “Viva”. Ainda existem problemas operacionais a serem resolvidos com Sky e Net, principalmente. Negociações em andamento. Do primeiro trimestre de 2010 não passa.
 
Outra coisa
Seguindo essa ordem, o canal “Zona de Impacto”, outra novidade da Globosat, deve ficar para o segundo trimestre do ano que vem.
Foco no público jovem, entre 12 e 25 anos, tentando ligar novamente na TV todo aquele que se desviou para a Internet.
 
Ritmo de festa
“Caras & Bocas”, todo mundo já sabe, recuperou o horário das 7 da Globo. Audiência elevada. E com a boa particularidade de não carregar na tinta. Tem até um dramazinho de vez em quando, mas tão sério.
Em compensação, festa é o que não falta. Estourando, a cada 2 capítulos tem uma e geralmente reunindo sempre os mesmos personagens. Pior é que, até agora, nenhuma terminou bem.
 
Muito ruim
“É Notícia”, do Kennedy Alencar, hoje está entre os principais programas de entrevistas da nossa TV. Com todos os méritos. Só que a sua qualidade técnica deixa a desejar. Há, por exemplo, estranho e contínuo ruído no áudio, que incomoda o telespectador e se repetiu no último domingo, quando lá esteve João Pedro Stédile. Ou muito me engano ou deve ser mesmo o barulho provocado por ventilador em estúdio sem ar condicionado.
 
Domínio
Em novembro, a Globo renovou domínio sobre o título “Jornal Nacional”, seu principal telejornal, atualmente apresentado por William Bonner e Fátima Bernardes.
A emissora também assegurou a continuidade dos direitos sobre as iniciais “JN”. 

Caminhos separados
Nadja Haddad, apresentadora da Band, e o repórter Celso Cavallini, da Record, já não estão separados apenas pelas emissoras em que trabalham.
Os dois acabam de terminar um namoro de muito tempo. 

Flavia-isabella
Isabelle Drummond, ao lado de Flávia Alessandra, convenceu como filha da protagonista. É destaque de “Caras & Bocas”, presente em todos os capítulos.   

Programação
O diretor Alexandre Avancini, que assediado pelo SBT optou por renovar com a Record, vai dirigir a novela que substituirá “Ribeirão do Tempo”.
A história ainda não foi definida pela emissora, mas tudo leva a crer que terá a autoria de Cristianne Fridman.
Antes, Avancini comandará as filmagens de “A Lei e o Crime”. 
 
Aposta
A Record com o seu “Os Legendários” promoveu desfalques em série no elenco da MTV. Marcos Mion e João Gordo são apenas dois exemplos ou os nomes mais importantes que puxaram esta fila. Agora há uma expectativa interessante em torno: poucos, em todos os tempos, que saíram da MTV conseguiram fazer sucesso em outro lugar.

 BATE-REBATE

* Com muita disposição para o trabalho, Fábio Assunção é nome certo na próxima novela do Gilberto Braga. Está reservado.
* Glória Pires também.

* E um detalhe interessante sobre Fábio Assunção, é que na minissérie “Dalva & Herivelto” ele usou uma barriga postiça nas gravações.

* Pedro Tourinho também estará na equipe de “Os Legendá-rios”, novo programa do Marcos Mion na Record.

* A Bandeirantes deixou parte da sua equipe na África do Sul, depois do sorteio da Copa, para realizar matérias especiais do próximo mundial.
* Hebe Camargo viajou no último final de semana para uma fazenda e lá não pegava nem celular.

*  Um diretor do SBT, que passou toda sexta-feira à procura dela, quase foi à loucura.

*  A Globo informa que os testes de seleção prosseguem normalmente. O próximo “Big Brother” ainda não tem os seus participantes escolhidos.

* Entre os muitos planos para o ano que vem, a direção da TV Globo tenta desenvolver o projeto de um novo seriado humorístico.

* A idéia, inclusive, é preparar um programa que no futuro possa substituir o bem-sucedido “A Grande Família” sem provocar maiores traumas.

C´est fini

As últimas chuvas em São Paulo, como todo acontecimento que sai da rotina, mereceu ampla cobertura das emissoras de tevê. Mas sempre com exageros de praxe. A Record, nos seus insistentes caracteres, por exemplo, aumentou o número de mortos. E em nenhum momento se corrigiu.
Então é isso. Amanhã tem mais. Tchau!

 

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation