O desastre da TV fechada começa pela falta de cuidado

Os programas do canal SporTV resolveram eliminar as bancadas. São raros os que ainda mantêm algo parecido. Dian-te disso, os seus participantes sempre aparecem sentados e, invariavelmente, com a sola do sapato na cara do telespectador. Uma coisa que não se entende. Os cenários, em plena era do digital, na sua grande maioria, aparecem remendados ou desbotados, prova do descuido existente na tevê fechada, onde não há um mínimo de cuidado com nada.

Na outra ponta, só pra não sair do campo esportivo, encontramos a Espn Brasil com o seu “Sportcenter”, mantendo – creio que obrigatoriamente – o modelo de cenário e demais detalhes do mesmo programa apresentado em outros países.

É impossível encontrar alguma coisa mais feia e de tão péssimo gosto como aquilo. Cores e luzes, também nas mais variadas e berrantes tonalidades, castigando o pobre coitado do telespectador. Boate de beira de estrada não chegaria a tanto. Tem que assistir com um colírio do lado. Já dizia o sempre professor Boni, José Bonifácio de Oliveira Sobrinho: na televisão, o tom pastel para os cenários é o que há.

Saiu disso, o desastre ou choque sempre será inevitável. 

Novo passo
No domingo passado, a Globo realizou, em estúdios e com o elenco de “Viver a Vida”, os primeiros testes de gravação de novela em 3 D (dimensões).
Não vai nada ao ar. O resultado, segundo se informa, agradou a todos.
 
Esquisito
Tem uma vinheta no canal GNT, mostrando vários dos seus artistas, rindo e – ao que parece – querendo dizer alguma coisa.
É rapidinha. Começa e termina desse jeito, mas como ninguém fala nada, o telespectador fica sem entender coisa nenhuma. E querendo saber, estão “rindo do quê?”. Estranho.
Mas vale pesquisar. Vai que numa dessas existe uma mensagem que ninguém está enxergando.

Antonelli
Viver a Vida – I
A chegada de Lucas (Rogério Romera), pai de Rafaela (Clara Castanho), vai movimentar os próximos capítulos de “Viver a Vida”.
As suas ameaças levarão Dora, personagem de Giovanna Antonelli (foto) a pedir ajuda a Helena (Taís Araújo).
A modelo, como se recorda, tem uma dívida com Dora, que foi quem lhe salvou a vida, e concorda em ajudá-la. Com isso, Dora e Rafaela se mudam para o Rio.
 
Viver a Vida – II
O que chegou a ser divulgado como certeza no início, agora não está mais valendo.
De acordo com o autor Manoel Carlos, “Bruno (Thiago Lacerda) ser filho de Marcos (José Mayer) é apenas uma possibilidade que ainda não está confirmada”.
De qualquer forma, prossegue o autor, “independentemente desta possível relação entre eles, o triângulo amoroso logo se formará com a aproximação cada vez maior de Bruno e Helena”.

 Está pronto
O “Domingão do Faustão” já tem gravada para o dia 27, uma homenagem ao Antonio Fagundes, que vai receber o troféu Mario Lago.
Presenças do Gilberto Gil, Rodrigo Lombardi – interpretando um texto do Charles Chaplin, e a Alcione cantando “O que é, o que é?”, do Gonzaguinha.
Público em pé.

Festa do Gugu
Gugu Liberato vai fazer a festa de fim de ano da sua produção, sábado, na hora do almoço.
Na ocasião, serão sorteados 80 presentes para os 80 convidados.

BATE E REBATE

* A Globo jogou no lixo o especial “Baile do Simonal”. O programa entrou praticamente no meio da madrugada.
* Merecia reprise num horário mais compatível.
* Autora Maria Adelaide Amaral já está adaptando os primeiros capítulos de “Ti-Ti-Ti”, novela que só deve ir ao ar no meio do ano que vem, na Globo.
* O crescimento da igreja do Valdemiro Santiago nos meios de comunicação, principalmente TV, tem preocupado bastante outras evangélicas.
* Continua o suspense sobre o novo contrato da Hebe Camargo.
* Depois de gravar o seu último programa do ano na segunda-feira, que até pode ser o último no SBT, ela se retirou e não conversou com ninguém.
* Hebe, informa-se, não estaria concordando com a decisão da emissora em colocar o seu programa nas noites de sábado.
* O programa “Extremos”, com Dani Monteiro, exibido pelo Multishow toda quinta-feira, às 22h, já está garantido na grade do canal em 2010.
* Monique Alfradique, Patrícia Naves e Tânia Kalil gravaram em João Pessoa, na Paraíba, uma campanha de produtos de higiene e beleza especialmente para o clima nordestino.
* Executivos do departamento de desportes da Record estarão hoje em Brasília para uma reunião com os dirigentes do Comitê Paraolímpico.
* Na ocasião, a Record vai apresentar o seu projeto de cobertura para os próximos jogos.  

C´est fini

Um dos principais narradores da Globo, cujo nome circulou com bastante intensidade na Record após a emissora adquirir direitos exclusivos de Londres-2012, Cleber Machado, não tem posição oficial da casa sobre sua presença na África em 2010. “Ninguém falou nada pra mim, ainda”, declara. Em 2008, apesar de não ter ido a Pequim, Cleber Machado bateu escanteio e correu para cabecear. Transmitiu daqui a maioria dos jogos.
Ficamos assim. Amanhã tem mais. Tchau.

Assuntos desta notícia


Join the Conversation