Política local 16/12/2009

  “Não é o poder que corrompe o homem. O homem é que corrompe o poder”.
 

Ulisses Guimarães – escritor.

Novidade jurídica
O mês de fevereiro pode vir com novidades jurídicas e mudar a composição da Aleac. As coisas caminham bem no TSE para Merla Albulquerque (PT) assumir o mandato de Josemir Anute (PR), e este, como bola da vez, substituir a colega Dinha Carvalho (PR).

Aumento escondido
O líder do prefeito Angelim, vereador Jessé Santiago (PSB), pisa na transparência ao esconder um reajuste de 10% ao prefeito e aos secretários, tramitando na surdina.

Nada contra
Não que este reajuste seja ilegal, são cargos que precisam ser bem remunerados, só que isso quebra o discurso que não há caixa para contratar os concursados.

Como dizia Nelson
Alguém na imprensa tem que fazer o contraponto da contestação desta ida dos deputados ao Peru, porque como dizia Nelson Rodrigues: “toda unanimidade é burra”.

Sou cético
Me sinto no direito de não entrar no ôba-ôba que uma estrada que corta uma área pantanosa e parques ambientais se conclua a toque de caixa.

Não creio
Mesmo sendo Natal, não é por isso que vou crer que Papai Noel existe. Aí está a ligação Rio Branco-Cruzeiro do Sul que se arrasta há décadas.

Sessão rasga-seda
A sessão de ontem na Aleac, a última dessa legislatura, foi enfadonha e bajulativa. Resumiu-se em os deputados da mesa diretora e fora dela trocarem fartos elogios.

Clima quente
O clima só esquentou entre os deputados Luiz Tchê (PDT) e Luiz Calixto (PSL), que se chamaram mutuamente de “palhaços” e por bem pouco não se atracaram.

Cobrança dura
É que Calixto denunciou que a CPI, presidida por Tchê, engavetou a convocação do secretário do governo Francisco Pian-ko, por pressão do governo.

Rasga o diploma
Luiz Tchê prometeu rasgar o diploma de deputado se Pian-ko não for chamado, quando a CPI se reiniciar em fevereiro. Pianko não pode mesmo ficar sem ser ouvido na CPI.

Casa de debates
Nada a criticar no acirramento de um debate, afinal, a Aleac não é um monastério.

Tem que ter cuidado
Precavida a afirmação do deputado Thaumaturgo Lima (PT) em alertar que os acreanos “não fiquem de costas para o Peru”. De fato, é perigoso dar as costas para um peru!

Cacifando pastores
O vereador Jessé Santiago (PSB) se cuide: a empresária Antonia Lucia (PSC) anda cacifando alto a maioria dos pastores da Assembléia de Deus.

Verbo e verba
Enquanto o vereador Jessé Santiago (PSB) entra na disputa contra Antonia Lucia pelos votos da Assembléia de Deus com o verbo, ela entra com a verba, que pesa mais.

Voz da polícia
Pelo que tenho ouvido de amigos policiais o deputado Walter Prado (PDT) será mais votado na categoria que na primeira eleição, porque vem dando eco à voz dos agentes.

Não tem voto
Está sendo inteligente: a atual cúpula da Secretaria de Segurança está mal nas bases.

Bem na tropa
Já na Polícia Militar, quem deve sair com uma votação expressiva na corporação é o major Wherles Rocha, que se afina bem com a tropa, maioria esmagadora na PM.

Dono da vaga
Em todas as contas que ouço de integrantes da oposição fazer, o ex-governador Jorge Viana (PT) é citado como o mais votado para o Senado.

Trombada internacional
Enquanto Marina (PV) e José Serra (PSDB) defendem na Dinamarca que o Brasil deve colaborar com o fundo para preservação ambiental, já Dilma Rousseff (PT) é contrária.

Não deixa escapar
Nas suas falas, a sargentona Dilma Rousseff não deixa de alfinetar Marina Silva, de que a sua proposta é puro proselitismo.

Agora piorou
Se já não se entendiam no governo Lula, sendo adversárias políticas em 2010, é que Marina e Dilma não vão se entender.

Atestado de nulidade
Não se devia comemorar a importação de tomate e alface do Peru para Cruzeiro do Sul. Se deveria lamentar o Acre ter terras férteis e mal produzir cheiro verde.

Sem sentido
Porque em Pucalpa, com o mesmo clima do Juruá, se cultiva verduras e legumes com sucesso? Se a Secretaria de Agricultura do Governo fosse fechada, não se sentiria falta.
   
Livro de auto-ajuda

O secretário Gilberto Siqueira deveria publicar um livro de auto-ajuda que faria sucesso. Reservo desde já o primeiro exemplar. Quem assiste suas falas sai certo que o Acre supera a Europa em desenvolvimento. E que é um exemplo internacional em tudo. Até em jogo de bola de gude! Foi assim no recente encontro com os deputados.

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation