Programações das grandes redes são retaliadas por interesses regionais

São raras as cabeças de rede que têm controle sobre as suas emissoras. A maioria faz sempre o que quer. Ou nunca deixam de fazer prevalecer o que se acostumou chamar de “interesses regionais”.

O pior exemplo que se tem notícia é o da Rede TV!. Há uma verdadeira retaliação de horá-rios nas suas afiliadas e são muitos os programas gerados da sede São Paulo que não chegam aos seus locais de destino. Acabam simplesmente substituídos por programações vendidas localmente, igrejas na grande maioria.

Isso sem considerar, e no caso sem nada a ver, com o chamado e conhecido “gato” de parabólica.

Evidente que cada um deve saber onde aperta o seu sapato, no entanto percebe-se a total inexistência de um acordo que determine de maneira clara os direitos de cada lado. O que é local e o que é nacional.

Nos dias atuais há uma verdadeira bagunça.  E, já disse e repito: a Rede TV! aparece como pior exemplo, mas não é o único.

Mudança
A Bandeirantes acaba de rea-lizar a sua primeira modificação no departamento de esportes, depois da chegada do diretor José Emílio Ambrósio.
Mario Quaranta, diretor do “Jogo Aberto”, programa da Renata Fan, foi demitido na quinta-feira.
 
Tiro no escuro
O “Dia Dia” da Band não vai parar. Essa notícia não existe. Ao contrário.
O programa vai continuar tocando a sua vidinha de sempre e, no próximo semestre, pode ganhar uma segunda edição.
 
Que mal pergunte
O que a Globo, e só a Globo, viu nesse humorista francês Rémi Gaillard, que justifique a sua permanência entre as atrações do “Fantástico”?
Perto de muito que temos aqui, inclusive dentro do próprio Projac, ele não é ninguém. Muito sem graça.
 
Clube das Mulheres
A Globo definiu o time de colaboradores de Elizabeth Jhin, autora da próxima novela das seis e como curiosidade, ela terá só mulheres ao seu lado.
São os casos de Eliane Garcia, Lilian Garcia, Denise Bandeira e Maria Duba Silveira Elia, além da pesquisadora Marília Garcia.

A história
A sinopse de Elizabeth Jhin é definida com uma produção que questiona os limites entre o plano físico e o espiritual, debate os  avanços da ciência genética em seus aspectos médicos e éticos, mas conta, acima de tudo, uma história de amor.
As gravações começam depois do Carnaval, com Humberto Martins, Jayme Matarazzo, Débora Falabella e Nathalia Dill.
É mais um trabalho do núcleo Rogério Gomes, o Papinha.

Trampolim
Eliminada de “A Fazenda”, Sheila Mello agora fica na expectativa das próximas novelas da Record. É o que foi combinado.
Habilitada para exercer a função de atriz, ela só entrou no reality show depois da emissora concordar em utilizá-la também na teledramaturgia.
Mas ainda não há um trabalho previsto.
 
Chamada de embarque
A exemplo de outros atores de “Caras & Bocas” e do autor Walcyr Carrasco, Henri Castelli também viaja para Israel.
Na volta ao Brasil, ele vai negociar novo contrato com a Globo.
 
Teatro
Thais Pacholek, que trabalhou em “Vende-se um Véu de Noiva”, no SBT, fará sua primeira protagonista no teatro.
“Mulheres”, baseada em texto de Molière, é o espetáculo. Oscar Magrini também está confirmado no elenco.
A direção será de Roberto Lage e os ensaios começam ainda este mês.

Em alta no Projac
Autores da Globo, tanto aqueles do primeiro escalão quanto os menos badalados, elogiam o comportamento do diretor Manoel Martins, o número 1 da Teledramaturgia. 
Trata-se de um profissional que conversa com todos e está sempre disposto a ouvir sugestões. Ganhou a maioria.

Lógico e natural

Adriane-Galisteu
É só mais uma questão de aritmética simples: o programa da Adriane Galisteu (foto) na Band, quando começou, tinha três horas de duração. Na estréia foi até mais.
Hoje está reduzido a 50 minutos. E o seu tempo de arte pode ser diminuído ainda mais.A numerosa equipe de produção foi enxugada na mesma proporção. E não se tem notícia de demissões. Segundo se informa, foram feitos deslocamentos para outros programas.

Mal-estar
Del Rangel, diretor de Teledramaturgia do SBT, colocou uma grande quantidade de cenas da novela “Uma Rosa com Amor” a disposição de diretores assistentes.
Isso tem causado desconforto no elenco, principalmente entre os atores mais rodados. Mas não tem outro jeito: ele, Del, precisa colocar a novela no ar.
E a ordem é movimentar toda a equipe de direção.

BATE E REBATE
* O programa “Bem Amigos”, do SporTV volta ao vivo na segunda-feira, com apresentação de Milton Leite.
*Apesar dos atrasos nas gravações e da audiência ainda muito baixa, o clima na equipe da novela “Viver a Vida” é dos melhores.
* Dentro da Globo, todos admitem que o Boninho foi muito feliz na escolha dos participantes do “BBB” atual.
* Durante a Olimpíada de Vancouver, Ana Paula Padrão pretende realizar matérias especiais para o “Jornal da Record”. Que nada tenham a ver com esporte.
* Letícia Spiller vai desfilar pela União da Ilha neste próximo carnaval.
* Na Globo, o carnaval deste ano terá o narrador Luiz Roberto ao invés do Cleber Machado.
* Na própria Bandeirantes, alguém levantou esta hipótese, mas não existe a menor chance do “CQC” voltar antes de 22 de fevereiro.
* Mas tem outra: a estréia do “Tribunal na TV”, do Marcelo Rezende, na Band, está confirmada para o dia 26 de março. Uma sexta-feira.
* Big Brother não é fácil. O diretor Boninho, neste começo de programa, virou noite sem dormir.
* Marcos Caruso fechou com a Globo para a novela “Tempos Modernos”, mas não deixa o teatro. Está na ponte-aérea.
* O ator segue em cartaz com o espetáculo “As Pontes de Madison”, no Renaissance, em São Paulo. 

Última forma
Gugu vai entrar com um programa inédito, mas não ao vivo – como se anunciou inicialmente -, neste domingo, na Record.
Será, na verdade, um especial sobre Angra dos Reis.
Acompanhado do diretor Homero Salles e de uma equipe da emissora, o apresentador ficou até a tarde de ontem no município da região Sul Fluminense preparando este material.
Gugu é Cidadão Angrense. Tem casa na região.

C´est fini

Apesar do anúncio do fim ter acontecido neste mês, ou mais precisamente na última quarta-feira, a “Escolinha” tem material inédito para ir ao ar até maio. Tá tudo gravado. Resta saber o que a Bandeirantes vai decidir a respeito.
Ainda sobre a Band, é certo que duas outras novidades serão anunciadas para a sua programação nobre, neste primeiro semestre.
Então é isso. Amanhã tem muito mais. Tchau!

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation