Política local 08/01/2010

“Sogra devia ter dois dentes: um para abrir garrafa, e o outro para morder a língua”.

Frase de pára-choque de caminhão.

Chutando o balde
O prefeito de Mâncio Lima, Cleidson Rocha, que no início da gestão acusou o ex-prefeito Luiz Helosman de colocar câmeras nos banheiros femininos, o que ensejaria a  “brechadas”, volta a chutar o balde ao denunciar nos sites que somente agora tirou a prefeitura da inadimplência, por conta da bagunça administrativa do seu antecessor.

Jogo aberto
Cleidson Rocha deveria ter sido mais explícito na sua entrevista e nominar que furos foram estes herdados de Luiz Helosman, que deixaram aquela prefeitura bagunçada.

Entrar no jogo
E o ex-prefeito Luiz Helosman, sério até que se prove contrário, tem que entrar no jogo para se defender das acusações, já que diz ter deixado a prefeitura sem dívidas.

Muito estranho
É muito estranho que essa suposta bagunça administrativa não tenha sido denunciada.

Momento inoportuno
Estou entre os que acham inoportunas essas férias do bom prefeito Raimundo Angelim, no momento em que a cidade voltou a ter uma epidemia de dengue.

Equivale a isso
Claro que tem direito a férias, mas gozá-las agora equivale ao comandante deixar o navio de helicóptero em meio a uma tormenta em alto mar.

Top secret
O ex-prefeito Nílson Areal procurou os principais dirigentes do PT, com os quais teve uma conversa sobre a sua situação política, quando aproveitou para desabafar.

Sem mão no ombro
Segundo o assessor que passou a informação, Areal sente-se abandonado. Esperava alguma posição pública de apoio após o rompimento com o prefeito Wanderley Zaire.

Pedido que chocou
E saiu dos encontros com esses dirigentes, revela ainda este assessor, magoado, por lhe ter sido pedido reserva sobre essas reuniões.

Pelo contrário
A vitória do Dindim (PSDB) para prefeito de Feijó, ao contrário do que se falou, só fortaleceu a candidatura do Merla (PT) a deputado estadual.

Garimpo promissor
Muitos dos que votaram no Dindim (PSDB) esperavam empregos na prefeitura, e como não vão ter, é neste filão dos descontentes que o Merla (PT) pode garimpar.

E-mail do juruá
“Crica, não é novidade esse apoio do prefeito Randinho (PMDB) à reeleição do Gladson Cameli (PP): na casa do Leandro, seu pai, tem foto do Gladson até no banheiro”.

 Uma diferença
Os candidatos ao governo da oposição chegam no interior apenas no ano eleitoral para pedir votos. Já o senador Tião Viana (PT), amiúde, está por lá: é a diferença que pesa.

É muito amadorismo
Para se ter uma idéia do amadorismo da oposição, no ano eleitoral, esta não sabe nem se vai com uma ou duas candidaturas, e com qual dos seis candidatos ao Senado.

Dedo do Normando
Chega e-mail dizendo que o sujeito oculto desse “Movimento Independente da Oposição”, capitaneado pelo Paulo Ximenes, tem o DNA do Normando Sales.

Projeto na frente
O grupo, segundo seus organizadores, quer tirar de pauta a discussão de nomes para o governo, sem antes se discutir um projeto alternativo ao da florestania da FPA.

Creio na palavra
Foi o Wanderley Zaire  quem me revelou o encontro com o ex-deputado Zé Vieira, marido da Toinha Vieira, e o vereador Josandro (PSDB), para discutir uma aliança.

Convites na mesa
E que na ocasião foi feito o convite para Toinha ser sua vice, caso ocorra uma nova eleição, e oferecida a Secretaria de Saúde ao vereador Josandro (PSDB).

Não tem motivos
Wanderley não teria nenhum motivo para inventar um encontro que, aliás, toda Sena Madureira sabe que ocorreu. Só não sabe o desinformado Tião Bocalom (PSDB).

Amarrações que rendem
Tenho uma excelente rede de informações. As notícias que me chegam é que o empresário Janaldo (DEM), pelas amarrações feitas, é forte candidato à Aleac.

Votação expressiva
Ontem, conversei com amigos de Plácido de Castro, que me revelaram que Janaldo (DEM) vem do município com votação expressiva.

Estratégia profissional
Segundo este amigo, bem informado, Janaldo usou de uma estratégia profissional:  no interior, investiu na eleição de vereadores e 27 deles se elegeram.

Como vai votar?
Como vai votar o PMDB do Acre na eleição, este mês, para a composição do diretório nacional?

Bom indicador
Se optar em votar no grupo a favor da aliança com o PT, estará dando um primeiro passo para uma conversa regional com os petistas.

Estratégias corretas

O ex-governador Jorge Viana (PT) e o senador Tião Viana (PT) estão certos na estratégia de retardar o anúncio de suas candidaturas ao Senado e Governo, respectivamente, porque não existe incêndio a ser debelado na FPA. Quem tem que correr é a oposição que não sabe nem com que time entrará em campo na eleição.

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation