Política local 15/01/2010

“O Rodrigo Pinto deveria ser o único candidato ao governo da oposição”.

Prefeito de Cruzeiro do Sul, Wagner Sales.

Sobrevida garantida
O deputado federal Fernando Melo (PT) saiu da reunião do seu partido, na última quarta-feira, exultante por ter conseguido o que chamou de “sobrevida” da sua candidatura ao Senado. Conseguiu aprovar uma resolução favorável, em que diz que o PT não fecha as portas para que a sua indicação possa ser avaliada por toda a FPA.

Vai longe
Com este desfecho essa discussão sobre o segundo nome do Senado vai longe.

Luz vermelha
O prefeito de Cruzeiro do Sul, Wagner Sales (PMDB), e o deputado federal Sérgio Petecão (PMN), tiveram uma longa conversa na última terça-feira sobre a oposição.

Denominador comum
Chegaram a um entendimento comum que a oposição só ganha uma vaga para o Senado se o candidato for Flaviano Melo (PMDB) ou Márcio Bittar (PSDB).

Sentimento sentido
Petecão revelou na conversa que percorreu todos os municípios do Vale do Acre nos últimos dias e sentiu como é forte o nome de Márcio Bittar (PSDB) para o Senado.

Ponto a favor
Mas para Petecão, Flaviano Melo tem um ponto a favor: consegue unificar a oposição. Já Márcio Bittar (PSDB) tem resistências entre alguns dirigentes da oposição.

Defesa aberta
Wagner Sales, por sua vez, defendeu que o vereador Rodrigo Pinto (PMDB) seja o candidato único da oposição ao governo por ter mais chance de crescer na campanha.

Oposição dura
Petecão (PMN) explicou que não morre de amores pela candidatura Tião Bocalom (PSDB) ao governo, mas, na sua avaliação, o tucano é mais enfático contra o PT.

Pesquisa na mesa
Um ponto uniu Sérgio Petecão e Wagner Sales: uma pesquisa por um instituto de peso como o Ibope, para definir o potencial de cada candidato ao Governo e ao Senado.

Conversa a dois
Também acordaram conversar com Flaviano Melo para que aceite colocar seu nome para ser discutido dentro da oposição, como forma de evitar a quebra de unidade.

Debruçado no livro
Flaviano não foi ainda sondado, mas, diz que sua preocupação atual é com a leitura do livro “Os Três Grandes Líderes (Churchil, Stalin e Rosevelt), do escritor Jonathan Fendy.

Não se sabe
Não se sabe se em relação a Stalin, quer aprender algo sobre um dos ícones da esquerda mais radical, para conversar com os companheiros petista.

Festa da carne
Nem só da leitura da Bíblia vive o evangélico e prefeito de Senador Guiomard, James Gomes: resolveu bancar a folia do município, destinando R$ 30 mil para os gastos.

Nome que pesa
O PMN terá 30 candidatos à Aleac. Entre eles estará a vice-prefeita de Senador Guio-mard, Solange Pascoal, que terá o apoio, lógico, do prefeito James Gomes.

É forte
Dentro do contexto do PMN, onde quem tirar 2 mil votos corre o risco de se eleger, a ex-vereadora Solange Pascoal é forte.

Candidatura mantida
Ligou o deputado N.Lima (DEM) para dizer que Fernando Lage (DEM) não retirou sua candidatura ao Senado e está, inclusive, em São Paulo, fechando pacote publicitário.

No debate
Garantiu Lima que Lage vai ser colocado na mesa da oposição como opção ao Senado.

Faca no peito
O assessor petista Carioca está articulando para que os diretórios, prefeitos e ex-prefeitos do Juruá, do PT apóiem Thaumaturgo Lima (PT) para deputado federal.

Boa base
Isso daria uma boa base de largada da candidatura de Thaumaturgo Lima à Câmara Federal, o que não deixa de ser um prêmio a alguém leal ao projeto do PT.

Muito difícil
Lideranças do PT com as quais conversei consideram que será difícil que o prefeito interino Wanderley Zaire não seja o candidato a prefeito da FPA, numa nova eleição.

Sem reações
E senti que também não haveria reação numa even-tual aliança com a ex-prefeita Toinha Vieira (PSDB), porque a hipótese liquidaria a oposição em Sena Madureira.

Triste fim
O presidente Lula mancha sua biografia de luta contra a censura, ao assinar um decreto que em tese facilita que volte a odiosa censura a rádios e televisões.

Não disseram
Não disseram ao Lula que uma portaria não derruba a cláu-sula pétrea da Constituição Federal, que proíbe qualquer tipo de censura aos órgãos de comunicação.

 Sumiram todos

Sumiram os petistas e comunistas acreanos que defendiam o regime ditatorial disfarçado de democracia do fanfarrão Hugo Chaves. A Venezuela entrou em colapso de energia, a falta de produtos de primeira necessidade virou o fantasma dos venezuelanos, a inflação bateu recordes, quem ousa protestar é preso, rádios, jornais e televisões foram fechadas, enfim, a pândega Revolução Bolivariana desmoronou.  

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation