Tribunal de Justiça abre concurso para quadro de pessoal efetivo

O presidente do Tribunal de Justiça do Acre, desembargador Pedro Ranzi, declara abertas as inscrições para o concurso público para provimento de cargos do quadro de pessoal efetivo do Poder Judiciário Esta-dual, a ser executado pela Fundação Escola Superior do Ministério Público do Estado do Rio Grande do Sul – FMP.

São oferecidas 330 vagas ao todo, mais cadastro de reserva, divididas entre cargos para nível superior e médio destinadas a quase todos os municípios do Estado, com vencimentos de R$ 2.598,16 e R$ 1.366,79, respectivamente. O concurso terá validade de dois anos.

Para nível superior estão disponíveis cargos para: assistente jurídico (29), técnico judiciá-rio (100), taquígrafo (4), ofi-cial de Justiça (69), psicólogo (9), assistente social (9), analista de sistema (5), analista de suporte (3), economista (2), contador (2), técnico em administração (2), bibliotecário (1), técnico em comunicação social (2), pedagogo (3) e bacharel em letras/português (3). Para nível médio estão disponíveis cargos para: auxiliar judiciário (61), programador de computador (cadastro de reserva), técnico em microinformática (cadastro de reserva), motorista oficial (5) e agente de segurança (21). 

As inscrições poderão ser feitas de 30 de janeiro a 30 de março de 2010, exclusivamente via internet, de acordo com as orientações indicadas no edital, disponível no endereço eletrônico www.fmp.com.br/concurso-tjac.  A prova objetiva será realizada nas cidades de Cruzeiro do Sul e Rio Branco, devendo o candidato fazer opção de local de realização da prova no momento da inscrição.

Encerradas as provas, a Comissão de Concurso procederá ao julgamento do Concurso, à vista do resultado da prova objetiva e da redação, para o cômputo geral dos pontos obtidos pelos candidatos. A nota final dos candidatos será obtida pela totalização da soma das notas da prova objetiva e da redação, sendo que para o cargo de taquígrafo será acrescida a nota da prova de taquigrafia.

Após a divulgação do resultado final, o candidato aprovado terá o prazo de trinta dias corridos para comprovar, mediante laudos, haver-se submetido a exames de saúde física e mental. Os exames serão avaliados por Junta Médica indicada pela Comissão de Concurso, sendo que os candidatos convocados deverão providenciar os exames de saúde que forem indicados.

Para mais informações, os interessados devem consultar a página eletrônica do concurso, no portal da Fundação Escola Superior do Ministério Público – www.fmp.com.br. (Agência TJ/AC)

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation