Política local 03/02/2010

“A oposição não vai reconhecer nada que o governo fizer: é ano eleitoral”.

Deputado Moisés Diniz (PCdoB), em discurso ontem, na Aleac.

Proposta na mesa
O deputado federal Sérgio Petecão (PMN) disse ontem que vai ter uma conversa séria com o deputado federal Flaviano Melo (PMDB) sobre o Senado: “se ele me disser que não quer ser candidato, vou propor então que o PMDB lance o meu nome, que topo”.

Embalado
Petecão se diz motivado por recente pesquisa em que numa simulação, com Márcio Bittar (PSDB) e Flaviano Melo (PMDB) fora, só perde para o ex-governador Jorge Viana.

Nem eles sabem
Talvez nem a executiva re-gional do PSDB saiba: a direção nacional tucana fará realizar, no Acre, uma pesquisa para senador e governador, logo após o Carnaval.

Hora da verdade
Segundo excelente fonte de Brasília, seu resultado vai aclarar o quadro e balizar, principalmente, a escolha oficial do nome a ser candidato ao Senado pelo PSDB.

Pode não ser
O assessor político do PT, Carioca, pode ter confirmada sua previsão que a oposição não entrará com time reserva para o Senado.

Para que serve?
A Procuradoria Geral do Estado tem profissionais bem pagos para defender o governo. Por que o Deas contratou dois advogados particulares para fazer sua defesa no TCU?

Coisas da política!
O vice-governador César Messias representou ontem o governador Binho na Aleac. Quem é que há bem pouco, imaginaria um “Cameli” falando pelo governo do PT?

Não agüento mais
A mesa diretora da Aleac me poupe. Não agüento mais em toda solenidade da Casa ter que ouvir a Ivana Pacífico cantando o Hino Nacional. Coloquem logo um play-back.

Protesto público
O vereador Ribeiro (PTN) estará hoje em frente ao Palácio Rio Branco com uma faixa de protesto contra o mau atendimento e os altos preços da GOL e da TRIP para o Juruá.

Greve de fome
Ribeiro é o mesmo vereador de Cruzeiro do Sul que protestou há pouco tempo na Capital, fazendo greve de fome por melhorias da Segurança no Juruá.

Candidato oficial
O deputado Hélder Paiva (PR) será o candidato oficial da Assembléia de Deus a deputado estadual pelo Vale do Acre, posição tirada em convenção dos pastores.

Cutucada pública
O deputado Moisés Diniz (PSDB) soltou ontem no seu discurso uma ironia: “nosso governo não discrimina na contratação de obras nem empresário candidato do DEM”.

Tiro certeiro
Para bom entendedor, meia palavra basta. Se referiu ao empresário de muitas obras no governo, o Janaldo, candidato a deputado estadual pelo DEM.

Que nem diz o caboclo
Moisés, que nem diz o caboclo, vou lhe aperguntar (sic: ):  o empresário em questão não é gente do Carioca no DEM para tentar derrotar o N.Lima (DEM)?  
 
A Suíça é aqui
Depois de ouvir ontem a mensagem com as realizações governamentais lida pelo vice-governador César Messias, cheguei à uma conclusão lacônica: a Suíça é aqui, no Acre.

Saiu na frente
Na sua primeira sessão, o deputado Manoel Moraes (PSB) já discursou, mostrando que não deve integrar a numerosa “bancada dos mudinhos” na Aleac.

Retardar a derrota
Um tucano emplumado me disse ontem que, em qualquer situação, seja no primeiro ou num eventual segundo turno, será difícil derrotar o senador Tião Viana (PT).

Lei do Muricy
Justificou sua previsão negativa: em pleno ano eleitoral a oposição continua sem definir suas candidaturas majoritárias, sem um projeto, e desunida.

Lei dura
O presidente da Aleac, deputado Edvaldo Magalhães (PCdoB), avisou ontem à turma que gosta de gazetar as sessões: “não haverá recesso branco por causa do Carnaval”.

Está certo
Ele está certo: os deputados mal chegaram de um longo período de férias.

Posição tomada

O deputado federal Henrique Afonso (PV) me disse ontem que vai esperar a pauta da FPA para discutir as candidaturas ao Senado e colocar seu nome, ancorado na sua boa votação, liderança no Juruá, no apoio dos movimentos sociais, das igrejas evangélicas unidas e dos cristãos em geral. Disse esperar que seja uma discussão ampla sem pré-definição de nome. E não descarta também vir disputar o Senado pelo PV.

 

 

 

 

 

Assuntos desta notícia

Join the Conversation