Governo anuncia esquema do Carnaval e promete inclusão digital com alegria

AAAAAA111CARNALVA
Com a promessa de um Carnaval inesquecível, o Governo Estadual e a Prefeitura de Rio Branco anunciaram ontem de manhã, na Biblioteca Pública, o esquema completo de preparação para o Carnaval 2010 do Arena da Floresta. A festa carnavalesca voltará ao clássico modelo de quina, com 5 dias de duração, começando na próxima sexta-feira, dia 12, e terminando na terça, dia 16, sempre das 18h até meia-noite. O tema deste ano será ‘Viva ao Carnaval da Floresta Digital’, um reforço descon-traído ao programa de inclusão à internet lançado anteontem pelo Governo do Acre. 

De acordo com o governador Binho Marques, o Carnaval deste ano será, sem dúvidas, um evento maior e bem mais ousado do que o de anos anteriores. Isso porque, conta ele, será a última folia de sua gestão governamental. E para garantir que tal perspectiva não falhe, praticamente todas as secretarias do Governo e grande parte das da prefeitura da Capital foram mobilizadas para contribuir, direta ou indiretamente, na realização de uma super festa para os acreanos. Uma festa que o governador resume em poucas, mas representativas palavras: diversão, paz e avanço tecnológico.

“O Carnaval é uma das festas mais importantes do ano, porque ele é como um termômetro do povo. Através dele, é possível medir o quanto a população está feliz ou triste. Por isso, o que queremos para este ano é resgatar toda a tradição e os símbolos da nossa história, ao mesmo tempo em que buscamos a modernidade; a inclusão do povo a essa nova era digital. Então, nossa maior novidade será a bolha de exposição do Floresta Digital, que estará pronta para mostrar o programa aos foliões e esperamos, acima de tudo, construir mais uma vez a melhor festa de Carnaval da Amazônia”, declarou Binho.  

Por sua vez, o prefeito Rai-mundo Angelim destacou união estadual e municipal para a realização do Carnaval e o quanto a parceria tem contribuído para o crescimento da folia acreana. Segundo ele, as duas gestões têm se entrosado muito desde a junção dos carnavais e isso com certeza tornará esta edição marcante. A prefeitura colaborou com a escolha da realeza, com a organização do desfile de bonecos, com a disposição de 84 homens da Semsur para ajudar na limpeza pública, com unidades do Rbtrans, com a conversão de resíduos e lixo em renda feita pelo projeto Catar, entre outras coisas. 

“A cada ano o Carnaval tem conseguido surpreender a todos nós e se superar em todos os sentidos. Sendo assim, eu acredito que conseguiremos fazer desta edição algo realmente especial, no qual todos possam se divertir e até mesmo aprender bastante sobre todas estas tendências tecnológicas que surgem a todo instante”, concluiu o prefeito.

Ao todo, o Carnaval gerará 1.110 empregos diretos, dos quais 100 são músicos, 90 são em obras, 320 são em bares e restaurantes, 200 são em apoio logístico e segurança e 400 são de lojistas ambulantes.

Segurança para a festa
Como já é costume em festas do Governo Estadual nos últimos anos, o aparato de segurança receberá mais que o dobro de reforço para este Carnaval, em relação ao do ano passado. Para cumprir tal dever, as polícias Militar e Civil ficarão responsáveis em atuar com 6 segways na área de barracas, 2 postos comandos da PM, 2 plataformas de observação, 15 tablados, 2 bases móveis, 12 motos, 30 viaturas PM na cidade (Arena e principais focos de tumultos na Capital), 6 cavalos, 475 agentes nos 5 dias (300PM e 175PC ou 60PM e 35PC por dia) e 1 helicóptero vigilância aérea. 

Além disso, outras instituições, como o Corpo de Bombeiros, o Samu, a Rbtrans, o Detran/AC, entre outras, auxiliarão no que diz respeito ao controle e policiamento de trânsito na Capital (desde o Deracre até o Arena, fora outras regiões da cidade, haverá blitzen, de tarde até às 2h da madrugada), assistência médica, prevenção a sinistros, e no que mais for preciso para assegurar à população uma folia pacífica.

E se tudo isso ainda parece pouco, a segurança do Carnaval também contará com o software S.I.G.O., um sistema integrado de gestão operacional para informações de Segurança Pública e afins, no sentido de agilizar o processamento de dados para várias funções. Em outras palavras, as ações repreensivas serão feitas de forma mais ágil. Por exemplo, a polícia poderá identificar e prender na hora pessoas procuradas por crimes.

“A segurança é um dos ponto mais fortes do Carnaval e que a cada ano tem formado esquemas mais sólidos. No ano passado, a Polícia Civil realizou 8 flagrante, 1 auto e 300 apreensões (exaltados que vão à delegacia e, no geral, são liberados depois) em todas as quatro noites de folia. Antigamente, esse era o balanço de apenas uma noite”, lembrou o secretário da Polícia Civil, Emylson Farias.

“Temos sido um verdadeiro exemplo de segurança. Aqui, nós mobilizamos cerca de 20 a 35 mil pessoas por noite no Carnaval. Por isso, eu tenho certeza que teremos uma festa bem tranqüila para todos”, complementou o prefeito Rai-mundo Angelim.

Infra-estrutura e ‘digi-caracterização’ do Arena
Em termos de estrutura física, a equipe de organização do Carnaval utilizará no estádio Arena da Floresta uma área total de 20.000 m2, o equivalente a uma capacidade que suporta 80 mil pessoas. Isto é, foram ampliados 12.000 m2 (60%) em relação ao ano passado. Com isso, o campo esportivo propiciará um largo espaço para todo o samba que o folião acreano conseguir dançar e para muito mais. Serão várias divisões no local, com áreas para mini-barracas comerciais, 3 entradas, 1 palco principal (onde concentra maior público), 7 tendas para 57 bares e restaurantes e 130 banheiros químicos espalhados (30% a mais do que em 2008).

“A nossa meta é fazer um Carnaval como nunca fora feito antes. Algo realmente grande. Para isso, tivemos que começar tornando-o grande pelo espaço físico. E foi o que fizemos. Agora, diante de tudo o que está sendo preparando, eu posso afirmar com extrema convicção que montaremos uma verdadeira cidade carnavalesca no Arena para a população do nosso Estado”, disse o governador Binho Marques.

No tocante à decoração, ou melhor ‘digi-decoração’, a equipe de criação responsável foi a Cia de Selva, que montou uma plano baseado em ícones referentes ao mundo virtual. Nesse sentido, a identidade visual deste Carnaval será marcada por PCs, notebooks, mouses, CDs, setas, @, celulares, palm tops, além de figuras que lembram a redes sociais, como Orkut, Chats, Blog, MSN e Twitter. Outro segmento são os Emoticons (carinhas de bate-papo com expressões de sentimentos) para retrazer a figura de toda e qualquer instituição governamental, e até mesmo civil.

Figuras típicas e folclóricas da região também entrarão no webclima, como o pierrô e a columbina. Para expor todas estas artes, serão montados vários painéis no Arena (inclusive, neste ano uma das novidades serão os painéis de lambe-lambe).   

A programação completa
A programação para o ‘Carnaval digital’ começa a partir de amanhã, dia 7, das 18 às 22h com o Esquenta no Mercado Velho. Conforme Marcus Vinicius, presidente da Fundação Garibaldi Brasil, na ocasião serão escolhidos Rei Momo, Rainha e Rainha Gay dentre os 5 finalistas em cada categoria. “E lá teremos uma grande atração que é o novo boneco da Iara, mãe d’água do nosso folclore”, adiantou. A razão para a escolha antecipada da realeza, ele explica, foi para dar mais tempo aos vencedores com as fantasias e liberar a sexta-feira de novo para já compor a nova quina carnavalesca.

Na primeira noite de folia, tocarão 4 bandas ao vivo para agitar os foliões  (Aquiry; Orq. Som dos Clarins; Boca Mel e MUGS II). No segundo (13), o público novamente passará a noite ao ritmo de mais 4 bandas (Terreirão do Samba, Zazueira, Swing Novo e Boca Mel). No terceiro, um domingo (14), será a aguardada abertura do arrastão da felicidade, que partirá do Calçadão da Gameleira às 17h (concentração 1h antes) e irá até o estádio, que receberá o show de 3 bandas (Orq. Som dos Clarins; Fernanda Farani/banda e MUGS II).

No quarto dia (15), os 3 grupos musicais são: Kalango Lôuko, Fernanda Farani/banda e MUGS II. Por fim, na terça-feira de Carnaval (16), haverá mais um arrastão até o Arena e mais 3 shows (Zazueiro, Kalango Lôuko e Fernanda Farani/banda). Vale ressaltar que os horários de todos os dias do Carnaval da Arena abrirão Às 18h e irão até a meia-noite.

Conforme Dudé Lima, membro da coordenação do Carnaval, nos arrastões da felicidade só serão permitidos, por questões de segurança e da idéia clássica do evento, os 2 trios elétricos da organização, que tocarão juntos as mesmas músicas e marchinhas, em uníssono. Qualquer outro veículo é expressamente proibido. No Arena da Floresta, a potência do som será de 100 mil watts, o suficiente para animar 90 mil pessoas.   

 

Assuntos desta notícia

Join the Conversation