Alvejado a tiros na Getúlio Vargas

A polícia ainda não identificou quem disparou os três tiros que atingiram as costas de Jonathan da Silva Souza, 18 anos, que ficou gravemente ferido.
A tentativa de homicídio aconteceu por volta das 22h de sexta-feira, 19, na Avenida Getúlio Vargas, bairro Raimundo Melo.

Segundo informações, a vítima estaria sentada em uma calçada em frente a uma empresa, localizada após a ponte da Avenida Getúlio Vargas, quando um desconhecido se aproximou e apontou a arma contra a cabeça do rapaz.

Temendo ser morto, Jonathan tentou fugir correndo, mas foi atingido com três tiros nas costas.

Mesmo ferido, o rapaz conseguiu correr até a sua casa no Beco Pantanal, bairro Raimundo Melo, onde caiu na escada.

Uma equipe de paramédicos do Samu socorreu a vítima, que foi encaminhada ao Pronto-Socorro, onde deu entrada em estado gravíssimo.

Policiais militares que foram ao local do crime foram informados que minutos antes de ser baleado Jonathan estava na companhia de um grupo de amigos e que todos vieram correndo e comentando algo sobre uma briga em que o grupo havia se envolvido.
Em seguida, o grupo se desfez e alguns rapazes desceram para o Beco. Jonathan permaneceu sentado na calçada quando vizinhos ouviram o barulho dos tiros e a vítima correndo já ferida.
Jonathan foi submetido a uma cirurgia de mais de três horas, onde os médicos detectaram que os tiros perfuraram os pulmões e transfixou duas costelas.

 

Assuntos desta notícia

Join the Conversation