Pular para o conteúdo

Equipe médica do Nash Montenegro realiza o parto de uma menina

ZZZZZZZTIAO
O vice-governador César Messias, o senador Tião Viana e o procurador-geral do Ministério Público do Acre Sammy Barbosa, visitaram o Navio de Assistência Hospitalar (Nash) Montenegro, da Marinha do Brasil, que está ancorado na localidade Olivença, comunidade de ribeirinhos à margem do Rio Juruá, situada um pouco abaixo de Cruzeiro do Sul. No local, o navio está fazendo atendimento médico e odontológico com uma equipe de quatro médicos, quatro dentistas, um bio-químico, quatro enfermeiros e ainda com apoio de profissionais da Secretaria Estadual de Saúde. É o 10º ano de atendimento no Acre, depois que foi firmado um convênio entre o Estado do Acre e a Marinha do Brasil em 2000.

As autoridades foram recebidas pelo comandante do navio, capitão de corveta Gleiber Banus Barboza, e a tripulação perfilada e fardada de acordo com as normas de boas vindas da Marinha e, em seguida, foram levadas a conhecer as instalações do navio. Entusiasmado, o comandante Gleiber contava aos visitantes que o Nash Montenegro, ao longo desses anos de atendimento, já havia presenciado o nascimento de cinco bebês e que, nesta jornada, com o navio sob seu comando, alimentava a expectativa de que poderia ocorrer o sexto nascimento a bordo. E aconteceu. No primeiro dia de atendimento no Acre, nasceu uma menina. A 1º tenente médica da Marinha do Brasil, Lorena Fernandes, participou do parto a bordo e conta sua emoção: “quando vim do Rio para cá para servir nesse navio, por um tempo, não esperava fazer parto, mas na hora que ele aconteceu foi maravilhoso, foi uma emoção muito grande, não só para nós médicos da tripulação, mas para todos. Foi muita alegria, a nenezinha nasceu e o pai a batizou como Helena, que é o nome de uma das médicas que também fez o parto”.

O navio ficará no vale do Juruá até 8 de abril. Nos próximos dias atenderá nos bairros da Várzea e do Miritizal e mais adiante subirá o rio até Porto Walter e Marechal Thaumaturgo.

Carinho e paixão – O senador Tião Viana destacou a paixão e o carinho demonstrados pelo comandante Gleiber e tripulação pela população da Amazônia. “É um momento bonito da história da Amazônia com a Marinha do Brasil atendendo no Rio Juruá. É o governo Lula, o Ministério da Saúde, a Marinha do Brasil emprestando solidariedade aos ribeirinhos. Isto é feito no Acre, nos rios amazônicos, no Rio São Francisco pela Marinha”, disse. O senador disse que o governo do Acre está muito feliz de ver esta parceria dando certo. Segundo ele, o convênio entre o governo e a Marinha – que expira este ano – deverá ser renovado, para a continuidade do trabalho.

O vice-governador César Messias está na expectativa de que o rio continue favorável à subida da embarcação: “vamos pedir a Deus que o rio fique como está, a meio barranco, para não prejudicar os ribeirinhos e permitir que o navio vá até Thaumaturgo e o atendimento chegue até a Foz do Breu em embarcações menores”, disse.

Segundo César Messias, o governo está lançando o Programa Pró-Acre em que serão implantados núcleos de saúde em 100 comunidades isoladas, onde os comunitários terão atendimento médico, odontológico e exames diversos. Ele contou que o atendimento já foi implantado na comunidade Belfort e será estendido para todo o Estado neste ano.   (Agência Acre)