Política local 21/03/2010

“Na política, a verdade deve esperar o momento em que todos precisem dela”.

(Bjomstjeerne  Bjomson).

Apenas bem intencionado
Recheado de boas intenções, nem se discute, mas não resiste a um leve sopro jurídico quando for analisado por um juiz o
 TAC assinado pela promotora Gilcely Evangelista e o prefeito de Porto Acre, permitindo a contração de médicos inabilitados no CRM. Além de ilegal, a medida coloca em risco a vida de pacientes.  Estes profissionais, a maioria formada na Bolívia, não foi submetida a testes de conhecimentos na prova de revalidação de diplomas, exigido por lei.

Não é justificativa
Sabe por que, promotora Gilcely Evangelista, médicos habilitados não querem trabalhar no interior? Porque os prefeitos em sua totalidade querem pagar salários aviltantes à profissão.

Essa é a questão
Somos amigos, e por lhe conhecer, sei que a sua intenção é evitar o colapso na Saúde do interior, mas, neste caso não comporta a decisão do seu grande coração, cara Gilcely.

Bem mais fraca
A atual chapa do PSB é mais fraca que a anterior e será muito difícil que repita a eleição de dois deputados. E fazendo um parlamentar, o favorito é o deputado Delorgem Campos (PSB).

Candidatura mantida
O deputado federal Ilderley Cordeiro (PPS) negou que seja candidato a deputado estadual, como familiares espalharam, e deverá disputar a reeleição na aliança PPS-PMDB.

Exigência única
O deputado federal Sérgio Petecão (PMN) faz uma única exigência para levar o PMN para uma aliança com os peemedebistas: que ele seja o único candidato ao Senado do partido.

Muito claro
Minha opinião à luz do que já ouvi dos dirigentes do PMDB: o partido vai esperar o resultado da pesquisa a ser feita pelo diretório nacional do PSDB em todo Acre, antes de uma resposta.

Mais fortes
Ney Amorim, Chico Viga, Ermício Sena, Geraldo Pereira, Francimar Fernandes, Manoel Lima, sem dúvida, estão entre os nomes mais fortes para deputado estadual pelo PT.

Partido organizado
O deputado N. Lima, que recebeu o DEM com o fundo partidário bloqueado, dezenas de dívidas trabalhistas, conseguiu, enfim, sanear as finanças e deixou o partido organizado.

Sendo realista
Os demais membros da executiva do PTB têm os seus méritos, mas, nenhum mais que a presidente Iolanda Lima, que usou recursos pessoais para dar ao partido uma sede organizada.

Azeitando a máquina
O PMDB reúne amanhã seus prefeitos e lideranças do Juruá em Cruzeiro do Sul, para montar uma estratégia para a candidatura do vereador Rodrigo Pinto (PMDB) ao governo, na região.

Grande teste
O prefeito de Cruzeiro do Sul, Wagner Sales (PMDB), que está bem popularmente, vai ter seu grande teste político: transferir votos para o Rodrigo Pinto (PMDB), desconhecido no Juruá.
 
Fator que pesa
O senador Tião Viana (PT) leva uma vantagem sobre os demais candidatos ao governo quando se trata de conhecer a realidade do interior, que visitou várias vezes durante o seu mandato.

Não culpem
Se os médicos, que pedem há sete meses o mínimo ao governo, no caso um Plano de Cargos e Salários decente, resolverem fazer greve, não venham culpá-los de radicalismo.

Uma mixaria
Pouca gente sabe que na atual conjuntura os médicos não se aposentam pelo que recebem no holerite cheio de pinduricalhos, mas, com o salário base, uma mixaria.

Sem ofensas
Mas, é reprovável o deputado Donald Fernandes (PSDB) chamar o secretário de Saúde, Osvaldo Leal, de “vagabundo”. Pode-se dele discordar sem fazer ofensas pessoais.

Sem a chave
Ademais, o secretário Osvaldo Leal não é quem decide questões salariais.

Para presidente
Em todas as pesquisas que vi até hoje, no Acre, a senadora Marina Silva (PT) aparece bem à frente, seguida de José Serra (PSDB), e bem atrás a petista Dilma Rousseff.

Mudança estratégica
A troca de Merla Albuquerque (PT) pelo pai, o ex-prefeito Francimar Fernandes (PT), para a disputa de deputado estadual, é estratégica: Francimar tem maior cancha que o filho.

Cometa administrativo
Laura Okamura chegou ao Acre como uma grande conquista administrativa e, simplesmente, se apagou, mal se ouvindo hoje falar dela ou do que está fazendo.

Obras de peso
O governador Binho Marques tem duas obras de peso para serem inauguradas próximo da eleição, em Cruzeiro do Sul: o estádio de futebol e a ponte sobre o Rio Juruá.

Lado inverso
Mas, do lado inverso da medalha está o fato negativo de não ter cumprido a promessa de entregar o trecho Rio Branco-Cruzeiro do Sul asfaltado até o fim do seu governo.

Sem procuração
Sem procuração para defender o Carioca, mas, ele, eu não canso de repetir, não tem a chave do cofre nem do Governo e nem da PMRB para resolver demandas, no máximo às encaminha.

Banho de arruda

Uma sugestão umbandista ao assessor  do PT, Nepomuceno Carioca, para tirar olho gordo: tomar um banho de arruda com a erva mucuracá em noite de lua cheia. Só nesta semana, levou duas traulitadas políticas: primeiro do presidente do diretório municipal do PSDC, Francisco Labibiano, e, agora do mignon vereador Cabide (PTC), chamando-o de perseguidor, matéria nos sites da cidade.  O rio dos partidos nanicos está infestado de piranhas vorazes.

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation