Nível do Rio Acre volta ao estado de normalidade com 13,12 metros

Após nove dias de preocupação, o nível do Rio Acre voltou ao seu estado de normalidade na Capital, descendo 88 cm de terça (9) para ontem (10) e fechando o dia com 13,12 metros – 38 cm abaixo da cota de alerta (13,5m). Com a baixa, as casas de milhares de famílias das áreas de risco estão fora do alcance do rio. Apenas cerca de 100 lares ainda estão sendo parcialmente atingidos.desabrigadosss
As habitações que haviam sido encobertas pela água também já estão momentaneamente livres da alagação. As famí-lias que saíram por conta própria para ficar com parentes já começaram a voltar para casa. 

Desde o começo desta semana, quando o rio atingiu a marca de 15,53 m e mais de 4 mil casas da cidade, o volume de águas do rio só tem caído. Mesmo assim, ainda não é a hora de descartar novas cheias. Segundo análises da Defesa Civil, março e parte de abril ainda são épocas altamente propícias às chuvas. Por isso, o rio ainda poderá registrar cheias novamente, caso tais precipitações voltem a cair direto nas cabeceiras.

“Há previsão de chuvas, inclusive, lá para cima em Assis Brasil e Sena. Sendo assim, ainda é cedo para dizer que novas altas aqui estão descartadas”, comentou o coronel Gilvan Vasconcelos, coor-denador da Comdec.

Defesa Civil decide situação do abrigo até amanhã
Apesar das vazantes, a Coordenação Municipal de Defesa Civil (Comdec) ainda manterá o abrigo montado no Parque de Exposições Marechal Castelo Branco por enquanto. É que ainda não é seguro aconselhar (e não obrigar) as famílias a saírem do parque enquanto houver riscos reais do rio subir.

 Conforme Gilvan Vasconcelos, para decidir melhor o que será feito com o abrigo a Defesa Civil fará uma reunião amanhã, 12, para avaliar toda a conjuntura do rio e das previsões meteorológicas.

Até ontem, o local acolhia 314 famílias. Duas delas já haviam voltado para casa por conta própria. “Estamos aconselhando as pessoas a ficar no abrigo. Mas se elas quiserem sair, tudo bem, contanto que assinem um termo de compromisso de que estão por conta própria neste retorno”, explicou o coronel.

 

 

 

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation