Perpétua: “Se a Amazônia é de todos, o petróleo também é”

perptua_20

“Se uns merecem se desenvolver, os mais pobres também têm este direito”. Assim se pronunciou a deputada Perpétua Almeida, na manhã desta quinta-feira, no calor dos debates em torno da partilha dos Royallties do Pré-sal, no plenário da Câmara Federal. Estados em franco desenvolvimento como o Acre também têm direito a estes recursos, argumenta a deputada.

Mais uma vez, a parlamentar pelo PCdoB do Acre apelou para que o Congresso não se descuide, “do contrário irá instalar uma briga entre os diversos Estados da Federação”, afinal, acentua ela, a Petrobrás, criada na década de 40 sob a máxima popular “O Petróleo é Nosso“, é patrimônio público, de todos. “Talvez seja hora de reeditarmos aquela campanha”, propôs.

“O oxigênio produzido na Amazônia e as águas dos nossos rios são um bem usufruído por todos, sem distinção geográfica. Não é sensata a idéia de que o petróleo seja um produto exclusivo do Rio de Janeiro. Se é fato que a riqueza da Amazônia e os benefícios que a floresta amazônica traz pertencem ao povo brasileiro, por que o pré-sal as riquezas naturais não o são também?”, indagou.

A própria bancada federal do PCdoB, através de um entendimento de consenso, entende que estas riquezas, por serem patrimônio nacional, tragam benefícios a todas as regiões e garanta o desenvolvimento do país de forma igualitária.

Assuntos desta notícia


Join the Conversation