POLÍTICOS E EMPRESÁRIOS ACREANOS VISITAM O TEMPLO DE SHAO LIN

XICO DE BRITO – ´Gua Xi Nim

A terra tremeu com a chegada da caravana de políticos e empresários acreanos em território Chinês.  As notícias por aqui são de que o cismo deu- se porque o gov. maoísta descobriu que a maior parte da mundiça estava twitando  dentro de shoppings e elogiando a imprensa chinesa.

O  gov. antecip.Tião Viana disse a jornalistas oficiais quantitativos do Cistema Puco de Comunicação que acompanham a enfieira político-empresarial acreana que a viagem está sendo muito produtiva. Só o pref. Rai Angelim já comprou um relógio que fala, uma pulseira EFX e um vereador digital que chora em MP13.

Para Tião Viana, a visita à Ásia é apenas o início de novas relações do acercamento tripartite Acre-Cobija-Beijin, devido ao interesse de muambeiros internacionais  em se instalarem no Camelódromo do Colégio Acreano. “Isso dará ao Acre um comércio muito mais competitivo”, não disse Viana, para quem o Armarinho Badate não é coisa dos governos passados.

A ruma de acreanos ainda cumprirá extensa agenda positiva  em solo chinês antes de seu retorno a Rio Branco. O vice-gov. César Messias demonstrou interesse em conhecer  o cinema local e já adiquiriu dois DVD‘s do filme O Império dos Sentidos, que conta a história dos partidos nanicos que se coligaram com o PT nas eleições passadas. A película será exibida em Sena Madureira, assim que o empresário George Pinheiro, único descendente de chineses de Boca do Acre, residente em Rio Branco, concluir o aluguel de carros para a Polícia Chinesa, neste domingo.

A volta dos acreanos está marcada para esta semana, via Dubai, onde eles farão baldeação e conhecerão um cassino maçetão, antes de atolarem no Aeroporto Nacional de Rio Branco.

Planet9
ESCITASSÃO – “Acim comu ção as pesçôas ção as criaturas!” – Jaka Pinheiro

* Gentes mil fôrão falar mau de mim, mais não foi eu qui recebi um boquete de flores de arelp birtidei tío you, que quer diser  niver, em franssês.

* Eu fizi apenasmente uma pequena dessepssão aos meus amigos maiz xegados no Por do Sol, e não convidei a Jackie Pinheiro porquê num quis.

* Aliaiz eu não estou nem préo com o que ela axa da minha coluna, pois eu freqüento a clínica do professor Raimundo Castro desdi 1989.

* O kalunismo çociau tem eças coizas: ô povim vejôzo!

* Num to nem préo, porquê a Dona Ivete é minha peixa!

* A Dona Ivete é minha muza (E do Seu Silvio, claro!). Por causo dela é que eu çou hoige o que eu çou. Vê se eu ando em Piola, em Iscalibú. E num me rebacho não!

* Çube até que tem gente metendo o pau em mim, dizendo que o kalunismo  ço-cial tem mais cuantidade do que cualidade. Maiz metem o pau por tráis; quero vê metêri pela frenti!!

* Quedê o tal do Seu Luiz Tiodoru, qui num defendi as nossas críticas? Tambéim, ele num tá nem préo com a noça categuria. Noça não, porque ele nunca me deichou entar na Açossiassão dos Comunistas Çociais.

* Coiza de pobre, mêrmo!

* Eu sou mulhé intereda, já aceçorei o prefeito Padeiro e cunhêsso o Bujarí como a palma da minha mão. Cem falar que já comi no Point do Pato umas duas veiz e ôtro dia até dei um abraço naquele gatinho do Jóje Viana, e até já filei o vinte do seu Flaviano Melo. Quando ele mi recenhesseu, me deu foi a bagana toda!

 Afe! Aquela bengalona do Seu Flaviano…

* Vô mostrá os retratos que bati com as peçôas famozas do Acre hoije, porque tem gentes mil que merecéim!

Planet10
Com a Perpétua, em birtidei, o mesmo que niver

Planet11
Com Seu Jóje no mato, afe!

Planet12
Paçeio com Seu Jóje, cavalo

Planet13
Seu Binho, amizade de cualidade

 

 

Assuntos desta notícia

Join the Conversation