Vasco muda Som por Ulisses para tentar “retomada”

A contratação de três jogadores de fora do Estado, além do meia Ayrson, são algumas das atitudes que a comissão técnica da AD Vasco da Gama vem tentando para uma “retomada” rumo ao G4 do Campeonato Estadual de Futebol. No entanto as mudanças não param por aí: o técnico Edson Maria deu lugar ao técnico Ulisses Torres na frente da comissão técnica.

Mas a missão de tentar uma retomada é ingrata. Logo no primeiro jogo “novo” Vasco, a equipe da Fazendinha terá como adversário o Náuas, em pleno estádio Totão, em Mâncio Lima, a partir das 17h deste domingo, que vem embalado da vitória sobre o Estrelão e o empate diante do Galo.

A dificuldade nas passagens aéreas, devido o feriado religioso, obrigou o Vasco a dividir em dois grupos para viajar para Cruzeiro. Ulisses e parte dos jogadores embarcaram na sexta-feira, enquanto outro grupo com Som na manhã deste sábado. Entre os reforços, apenas o meia Cleber não embarcou, devido problemas de documentação.

“O zagueiro Gilberto e o atacante Caio estão confirmados, também Ayrson (ex-Juventus)”, explicou Som. Ayrson teve a função de ser o “cérebro” do Vasco, além de ter liberdade para chegar concluindo. “A minha expectativa no Vasco é a melhor possível e tentar estrear com pé direito e a vitória”, ressaltou confiante o meia.

O volante/zagueiro Duarte lembrou da dificuldade de enfrentar o Náuas no Totão. “Eles vem bem postados em campo e diante de sua torcida fica ainda mais difícil, mas para o Vasco qualquer resultado que não seja a vitória, será um desastre”, disse. Com experiência dentro e fora do país, o atacante Rickson lembrou a importância de “se manter a tranqüilidade”.

Arbitragem – O árbitro Josimar Almeida irá comandar o jogo, auxiliado pelos assistentes Civaldo Nery e Mário Jorge.

 

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation