Pular para o conteúdo

Para Semy Ferraz, segurança energética é fundamental no abastecimento de água

Além da correta aplicação de produtos químicos no tratamento e de uma rede de distribuição eficiente, a segurança energética é fundamental para garantir um abastecimento de água de qualidade. A avaliação é do presidente do Saerb (Serviço de Água e Esgoto de Rio Branco), Semy Ferraz. O uso de energia está presente em todas as etapas do sistema de fornecimento de água para os mais de 46 mil imóveis cadastrados na empresa.

“Nós dependemos de energia para a captação, tratamento e o transporte até as residências”, explica Ferraz. Por conta de todas essas etapas, pondera ele, é essencial um fornecimento de energia seguro e eficiente. A qualidade da eletricidade é uma questão que sempre está no topo das reclamações dos acreanos. Depois de anos tendo energia produzida a partir das usinas termelétricas, o Acre, desde o ano passado, faz parte do SIN (Sistema Interligado Nacional).

A partir de torres de transmissão, o Estado recebe energia das principais usinas hidrelétricas do país. “Isso nos dá muito mais confiança”, diz o presidente. Assim como os consumidores residenciais, o Saerb enfrenta problemas de fornecimento em suas subestações nos bairros. O caso mais grave e com prejuízos ao abastecimento aconteceu durante o apagão do início do ano, quando o Estado ficou mais de seis horas sem energia.

Para melhorar o consumo interno, o Saerb planeja alterar seus horários de produção. A idéia é colocar as bombas em operação no período noturno por conta da demanda menor por eletricidade, aumentando sua eficiência. O Saerb é um dos maiores consumidores de energia do Acre. Suas máquinas estão em atividade 24 horas.