Ossada humana é encontrada em igarapé

Na manhã desta sexta-feira, 23, o trabalhador Nascimento, 34 anos, do Ramal São José,  bairro Belo Jardim, construía uma passagem em madeira sobre o igarapé, quando observou algo estranho à margem do manancial, resolveu se aproximar e se deparou com um crânio humano.

Ossada
Imediatamente, ele chamou a polícia ao local em que o crânio foi encontrado. A princípio, a polícia chegou a pensar que o crânio encontrado fosse do  estudante Fabrício Augusto Souza Costa, 16, que está desaparecido desde o dia 16 de março.

Rapidamente, a notícia se espalhou e várias equipes de policiais civis e militares foram enviadas para o local.

O delegado José Barbosa e o juiz Clovis Augusto também acompanharam de perto o resgate do crânio.

O Corpo de Bombeiros Militar foi acionado e após buscas nas proximidades conseguiram localizar o restante da ossada humana.

Segundo informações das autoridades policiais, ainda não é possível precisar se a ossada encontrada é de um adulto ou de uma criança.

Familiares do estudante Fabrício acompanharam o resgate da ossada e não acreditam que seja de Fabrício, porque as roupas não foram reconhecidas e o tamanho dos ossos, segundo Sérgio Costa, 46 anos, tio de Fabrício é de uma pessoa adulta.

Segundo informações de moradores da região, existe um rapaz desaparecido há quinze dias e que teria sido visto pela última vez exatamente nas proximidades em que a ossada foi encontrada.

Somente um exame de DNA poderá  confirmar de quem são os restos mortais encontrados. ,,,

Assuntos desta notícia

Join the Conversation