Política nacional 15/05/2010

“Ele [Lula] esbofeteou os juízes do Tribunal Superior Eleitoral”.

Líder do DEM na Câmara, Paulo Bornhausen (SC), sobre o programa do PT na tevê.

Violação de sigilo: desgastado, Félix pode cair
Ogeneral Jorge Félix subiu no telhado, após a revelação desta coluna sobre a investigação fiscal ilegal contra oficiais do Exército, incluindo generais da ativa. A investigação, sem amparo judicial, foi determinada pelo Gabinete de Segurança Institucional (GSI) da Presidência da República, chefiado por Félix, em ordem assinada eletronicamente pelo seu chefe de gabinete em 18 de janeiro deste ano. O general pode perder o cargo após Lula retornar de sua atual viagem internacional.

Bola nas costas
Primeiro, Jorge Félix se desgastou com o Comandante do Exército, general Enzo Peri, a quem negou por escrito a violação do sigilo fiscal.

Pernas curtas
Após o desmentido de Jorge Félix, esta coluna divulgou documento da Receita Federal provando que o GSI pediu mesmo a investigação.

Trapalhada total
Lula se irritou com a “trapalhada” do GSI de Jorge Félix, ao bisbilhotar a vida fiscal de militares críticos ao governo, não com a violação em si.

Impaciência
Lula não tem muita paciência com o general chefe do GSI. Certa vez se recusou a despachar com ele por quase um ano, no primeiro governo.

Líder do governo…
Está no Supremo Tribunal Federal o Inquérito nº 2963, que indicia o líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR). A ação é de autoria do Ministério Público Federal e tem como objetivo apurar os crimes de apropriação indébita previdenciária, falsidade ideológica e crimes contra a ordem tributária. O relator do processo, que teve origem em Roraima, é o ex-presidente do STF ministro Gilmar Mendes.

Mistério
A assessoria de Romero Jucá não soube responder se a ação no STF influencia sua vontade de votar ou não o projeto Ficha Limpa.

Passeio
O ex-governador do DF José Roberto Arruda já saiu da fase mais aguda da depressão, e até viajou com a mulher e o filho do casal.

Está quase
Dilma Rousseff trabalha para levar o líder do PTB no Senado, Gim Argello, a apoiar o petista Agnelo Queiroz ao governo do DF.

Era só factóide
A comissão da Fifa visitou as sede da Copa de 2014 para “inspecionar” obras que sabia não existir e recolher dados que já tinha. O próprio presidente da CBF, Ricardo Teixeira, ontem, cuidou de desmontar seu factóide, afirmando que afinal o atraso “não é tão grande assim”.

Olheiras
O candidato tucano José Serra chegou ao Rio especialmente bem humorado, após sua visita a Pernambuco. Em seu twitter, deu a pista: “O (senador) Jarbas Vasconcelos tem mais olheiras do que eu”.

Indiarada digitalizada
O cacique pataxó Aruã foi à OAB entregar um abaixo-assinado pela demarcação de terras. Diante do secretário-geral, Marcus Vinicius Furtado Coelho, gritou: “Cadê meu assessor de imprensa?” E surgiu um índio de câmera de vídeo e gravador digital, de última geração.

Lugares marcados
Só três ministros tiveram vez no programa do PT: Guido Mantega (Fazenda), Paulo Bernardo (Planejamento) e Fernando Haddad (Educação). Continuarão ministros em eventual governo Dilma.

Deputado Valente
O ex-secretário de Educação do governo Arruda, José Luiz Valente, já acertou com o presidente regional do PMDB, deputado Tadeu Filippelli (DF), que será mesmo candidato a deputado federal em outubro.

Lula não sabia…
Lula chega a Teerã fingindo que não sabe, mas os cineastas Spielberg, Scorsese e Coppola estão no movimento pela libertação do colega iraniano Jafar Panahi, preso sob a acusação de “preparar um filme” sobre protestos contra a reeleição fraudada de Mahmoud Ahmadinejad.

Dona do jogo
Luciana Gimenez apresentava o programa “Mega Senha”, na Rede TV, e perguntou a profissão do candidato Luis Fernando, que disputava o prêmio: “Qual a sua profissão?” Ele: “Sou bancário”. Lucianta emendou: “Mas você trabalha no banco ou é dono do banco?…”

Milagre eleitoral
Campanha eleitoral faz milagres. Dilma Rousseff, ateia juramentada, foi à missa com o carola Gilberto Carvalho, secretário particular de Lula, e saiu de lá dizendo-se “emocionada”. E adorou “Salve Rainha”.

Quinta gorda
O PT varou a madrugada depois do programa do partido, na TV. O pessoal comemora qualquer coisa. E o programa foi qualquer coisa mesmo.

PODER SEM PUDOR

Crise de abstinência
Recém-chegado da primeira viagem à Europa e estreando como ex-presidente, Jânio Quadros visitava em Santos (SP) o presidente do Sindicato dos Ensacadores, Silvano Andrade, quando pediu água. Mal levou o copo à boca, pediu a um fotógrafo que não registrasse a cena.
– Por que, presidente?
– Vão dizer que é cachaça, e infelizmente, não o é – respondeu lacônico.

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation