Crime de pistolagem

O assassinato desse vereador em Acrelândia precisa ser apurado com todo rigor. Pelas informações que se tem, tudo indica tratar-se um crime de pistolagem e as autoridades de Segurança não podem permitir que essa prática volte a imperar no Estado.

Aliás, já há algum que esse município vem produzindo fatos graves, como arrombamentos no fórum da comarca e roubos de armas. Sem falar que, recentemente, os professores municipais passaram mais de 50 dias em greve, sem que o prefeito do município demonstrasse qualquer preocupação com os milhares de alunos sem praticamente ter começado o ano letivo.

No caso da Segurança Pública, é dever do Estado averiguar o que está ocorrendo no município e reforçar o policiamento para proporcionar tranqüilidade à população, sob o risco de ali se instalar a bandidagem.

A distância da Capital é pequena, o acesso é bom. Não se justifica, portanto, o recrudescimento da criminalidade e fatos como este do assassinato de um vereador, como seria de qualquer cidadão.

Não só este caso, como outros, precisam ser apurados, portanto, com todo o rigor, com reforço no sistema de segurança do município. 

Assuntos desta notícia

Join the Conversation