Setor florestal do Estado é destaque no programa Dois Dedos de Prosa

“Antes as pessoas achavam que para ganhar dinheiro tinham que desmatar, hoje esta consciência está mudando”. A afirmação do governador Binho Marques durante o programa Dois Dedos de Prosa desta segunda-feira, 10, endossa um compromisso firmado pela gestão estadual a partir da política de desenvolvimento sustentável iniciada há quase doze anos e que se consolida em exemplos com a Feira Brasil Certificado, realizada em abril em São Paulo.

prosa_binho

O evento reúne investidores nacionais e internacionais em busca das tendências na área de economia florestal. “É a nova economia que está nascendo, que é uma economia de produtos certificados. Cada vez mais o mercado da Europa, dos Estados Unidos está ficando mais exigente. Esse mercado agora só adere a uma negociação justa, que se chama Mercado Justo e sem dúvida nenhuma o Acre é um exemplo”, diz o governador.

Entre os objetivos a serem alcançados pelo Governo do Estado durante a feira estavam a consolidação da marca Acre, conhecida por se tratar de um lugar em que ocorre o comércio justo e a preocupação com o meio ambiente; a intenção de atrair novos investidores preocupados em manter as condições ambientais do Acre com o desenvolvimento sócio-sustentável e ainda, divulgar ainda mais os produtos acreanos para introduzi-los em novos mercados.

Durante o programa, veiculado pelas principais rádios do Estado, Binho Marques cita as empresas que demonstram interesse em se instalar no Estado e o compromisso do governo em acolher estes investidores que deverão gerar renda e aquecer a economia respeitando as características ambientais e a política de desenvolvimento que respeita o meio ambiente. “A gente tem na produção florestal também, inclusão, geração de emprego e renda e claro uma economia que cada vez mais fica independente do governo federal”. (Agência Acre)

Assuntos desta notícia


Join the Conversation