MPU: concurso abrangerá todos os estados e DF

Faltam poucos dias para a divulgação do edital do concurso para técnico (níveis médio ou médio/técnico) e analista (superior) do Ministério Público da União (MPU), que ocorrerá neste mês ou, no máximo, no início de julho. Considerada uma das mais importantes da esfera federal neste ano, a seleção será organizada pelo Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (Cespe/UnB). O concurso, que contemplará todos os estados e o Distrito Federal, proporcionará remuneração de R$ 4.583,09 ou R$ 7.141,52.

Como o MPU é formado pelos ministérios públicos Federal (MPF), do Trabalho (MPT), Militar (MPM) e do Distrito Federal e Territórios (MPDFT), o próprio órgão irá lotar os classificados dentro de suas instituições, conforme as necessidades. Todas elas têm unidades no Estado do Rio de Janeiro, à exceção do MPDFT.

O número de vagas não foi fechado, mas, mesmo se não for tão grande, os interessados não devem desanimar, já que o MPU tem tradição de convocar muitos aprovados. No último concurso, realizado em 2006 e com oferta inicial de 453 vagas (291 técnicos e 162 analistas), ocorreram 4.813 nomeações (1.922 analistas e 2.891 técnicos), segundo a Assessoria de Imprensa do órgão (dentro do quantitativo não estão inclusas chamadas de candidatos sub judice, após o fim de validade).

Das carreiras já confirmadas, as mais atraentes são as das áreas administrativa (sem especialidade) e de apoio especializado (ramos de controle interno e orçamento), abertas para candidatos com nível médio puro, no caso do cargo de técnico, e para graduados em qualquer curso, na hipótese de analista. As demais oportunidades são para concorrentes com níveis médio/técnico ou superior específicos.

Os futuros servidores, que serão admitidos por regime estatutário (garantia de estabilidade), receberão remunerações de R$ 4.583,09 (técnico) e R$ 7.141,52 (analista). Os valores são compostos por vencimentos básicos (R$ 2.662,06 para técnico e R$ 4.367,68 para analista), Gratificação de Atividade do MPU – Gampu (R$ 1.331,03 para técnico e R$ 2.183,84 para analista) e auxílio-alimentação (R$ 590).

Com carga de trabalho de 40 horas semanais (à exceção dos cargos com legislação específica), os classificados ainda terão direito a auxílio pré-escolar ou creche (R$ 237,50, para filhos com até seis anos), plano de saúde (extensivo aos dependentes) e vale-transporte. Segundo o secretário-geral do MPU, Lauro Cardoso, a seleção abrangerá exames objetivos, discursivos e práticos, dependendo do cargo. (Folha Dirigida)

 

Assuntos desta notícia

Join the Conversation