Diretor da PF garante que foram identificados todos os que fraudaram exame da OAB

O diretor-geral da Polícia Federal, Luiz Fernando Corrêa, detalhou nesta quinta-feira (17) ao presidente nacional da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Ophir Cavalcante, o andamento da Operação Tormenta.

Ele afirmou ter certeza de que foram identificados todos os fraudadores do exame da OAB. “Estamos levando ao juiz competente o método, o Ministério Público acompanhou essa investigação e todas essas instâncias estão seguras de que afastamos aqueles que fraudaram”, garantiu.

A Operação Tormenta foi desencadeada nesta quarta-feira pela PF e desarticulou a quadrilha que fraudou concursos em todo o País, entre eles o da segunda fase do terceiro Exame de Ordem de 2009, já anulado pela entidade da advocacia, e para agentes da própria Policia Federal, entre outros.

Após os esclarecimentos sobre a operação ao presidente Ophir e o detalhamento do método utilizado nas investigações, o diretor da PF acrescentou que a atuação da PF busca gerar conforto aos candidatos naturais a concursos e punir os que buscam cargos pela fraude. (Bahia Notícia)

 

Assuntos desta notícia

Join the Conversation