Em execução há 2 meses, Operação Cidade está presente em todos os bairros

“Todos os anos, bem no começo do verão, nós damos início a este trabalho”, disse o prefeito Raimundo Angelim em visita as obras da Operação Cidade 2010. Acompanhado do diretor-presidente da Empresa Municipal de Urbanização (Emurb), de técnicos e assessores; Angelim percorreu as ruas São Marcos, no bairro Habitar Brasil; rua da Paz e rua das Rosas, no Aeroporto Velho e vistoriou os 400 m de drenagem e piçarramento que estão sendo executados em diversas ruas do bairro Pedro Roseno.
Operacao-cidade
 “Todos os anos, bem no começo do verão, nós damos início a este trabalho, que tem como meta principal  executar as ações previstas no Programa de Gestão Participativa (PGP) amplamente discutido com os 190 conselheiros das nossas regionais”, explicou Angelim.

 Por meio da Operação Cidade 2010, em execução há dois meses, as equipes da Empresa Municipal de Urbanização (Emurb) estão trabalhando para atender até o final do ano, todas as demandas apresentadas pela comunidade através do Programa de Gestão Participativa (PGP).

 Para a presidente da associação de moradores do bairro Pedro Roseno, Beatriz Catro da Silva, “este é um momento muito importante para todos nós. Antes a gente precisava colocar sacolas nos pés para sair de casa, com a obra vai melhorar a vida de todo mundo. E, claro, vai valorizar nossos imóveis”, destacou.

 O diretor-presidente da Emurb, Gildo César, disse que cumprir esta meta é a prioridade definida pela prefeitura de Rio Branco. “A determinação do prefeito Raimundo Angelim é de que este ano nós iremos cumprir todo o passivo de obras que foram pactuadas com o movimento comunitário e ainda executar aquilo que foi planejado para o PGP 2010”, assegurou.

Segundo ele, estão sendo investidos mais de R$ 9 milhões garantidos no orçamento do município nestas ações que contemplam serviços de manutenção das vias estruturantes, reca-peamento de malha viária, tapa buracos, drenagem de águas das chuvas, terraplanagem, piçarramento e asfaltamento de ruas.

Em praticamente todos os bairros de Rio Branco haverão intervenções, contemplando as sete regionais da cidade. Além das ações do PGP, a Emurb dá continuidade aos programas de manutenção das vias estruturantes e de combate a vazamentos, executado em parceria com o Serviço de Água e Esgoto de Rio Branco (Saerb), entre outras demandas emergenciais.

 “Nosso pessoal está no trecho em ritmo acelerado, com condições de trabalho adequadas que lhes garantam eficiência no resultado”, finalizou Gildo César.
 
Entendendo o PGP
 Ferramenta utilizada pela Prefeitura de Rio Branco desde o início da gestão do prefeito Raimundo Angelim, em 2005, tem como objetivo discutir junto com a comunidade onde e como serão investidos os recursos disponíveis no orçamento do Município. Participam das reuniões de planejamento do PGP os conselheiros das regionais, que representam os moradores dos bairros que compõem a respectiva regional.  (Ascom PMRB)
 

 

Assuntos desta notícia

Join the Conversation