Semeia intensifica a fiscalização das queimadas urbanas em horário noturno

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semeia) vai intensificar a fiscalização de queimadas urbanas em horário noturno. A chefe de fiscalização, Janira de Souza Melo, garante que as equipes também estarão em campo nos finais de semana.

Equipes da Semeia estarão percorrendo os bairros da Capital até às 20h. Após este horário, o órgão ganha reforço dos homens do Batalhão de Operações Especiais da Polícia Militar (Bope) e do Pelotão Florestal, que já atual nessa área.

“Nossa orientação para as pessoas é que recolham o lixo e que depositem em local adequado, as folhas que caírem nos quintais podem ser utilizadas como adubo”, observa Janira. Segundo ela, só no ano de 2009 a Semeia recebeu 320 denúncias e expediu 480 notificações relativas a queimadas urbanas.

Hoje, esse tipo de ocorrência representa cerca de 37% do total recebido pela Semeia, vindo em segundo a poluição sonora, com 35%. Este ano, de janeiro até hoje, já foram registradas 117 denúncias. O órgão também constatou o aumento de queimadas urbanas em horário noturno. Essa seria uma das formas de tentar burlar a fiscalização.

Queima a céu aberto é crime e a pessoa que for pega queimando poderá receber uma multa de R$ 169,43 a R$ 2.531,67. A pessoa pode ainda se redimir da multa participando de palestras sobre meio ambiente ou mesmo prestando serviço à comunidade. Nesses casos, o Ministério Público Estadual (MPE) tem agido como parceiro do órgão ambiental.

DENÚNCIA
A Semeia criou um Disque-Denúncia para atender as ocorrências de queimadas urbanas. Os ocorrências podem ser comunicadas através do telefone 3228-5765, no horário de 8h da manhã às 18h. Caso queira, o interessado pode fazer a sua denúncia pes-soalmente na Gerência de Fiscalização da Secretaria Municipal de Meio Am-biente, localizada na sede do Horto Floresta, na Avenida  Antônio  da Rocha Viana, em Rio Branco.

 

Assuntos desta notícia

Join the Conversation