Política local 04/07/2010

“A lealdade existe na política apenas enquanto for conveniente”.

Do livro “Frases Políticas”.

Indo para o ralo
O projeto “Ficha Limpa”, como renomados juristas tinham previsto, começa ser jogado no ralo. O STF acabou de liberar o registro da candidatura do senador Heraclito Fortes (DEM), que foi condenado pelo TJ do Piauí. No seu voto, o ministro Dias Tofolli argumentou existir recurso pendente, não haver condenação transitada em julgado, criando assim uma jurisprudência.

Essa é a questão
O problema é que o “Ficha Limpa” é uma Lei Ordinária, e não uma emenda constitucional, e assim, continua o preceito constitucional de que ninguém é culpado enquanto caber recurso.

Porteira aberta
Abriu a porteira. A decisão do STF vai balizar uma enxurrada de recursos daqueles que tiverem os seus pedidos de registros de candidaturas negados pelo Tribunal Regional Eleitoral do Acre.

Seguindo a lei
E não venham acusar o Judiciário de benevolente, já que segue apenas a Constituição Federal.

Campanha de manutenção
Muito cômoda é a posição do ex-governador Jorge Viana (PT), líder em todas as pesquisas para a primeira vaga do Senado, que deverá fazer apenas uma campanha de manutenção do nome.

Quebrando um tabu
Como as coisas caminham no Juruá, o senador Tião Viana (PT) caminha para vencer a disputa do governo naquela região, até aqui refratária ao PT nas últimas eleições majoritárias.

Sem o ranço
O segredo está no senador Tião Viana (PT) não ter o ranço de setores sectários do seu partido, os chamados “cuecas apertadas”, e seu nome penetrar até em redutos originais da oposição.

Quem é Bocalom?
Já o candidato ao governo Tião Bocalom (PSDB) tem contra a sua candidatura no Juruá o fato de não ser conhecido do eleitor, já que só dá as caras por aquela região em tempo de eleição.

Pequena e barulhenta
Donald Fernandes (PSDB), Calixto (PSL), N. Lima (DEM), Idalina (PPS) e Antonia Sales (PMDB) são os deputados mais ativos da oposição, uma turma pequena, mas corajosa e barulhenta.

Inversão de valores
Com uma bancada extremamente majoritária a FPA padece de falta de unidade, com a defesa do governo limitando-se aos deputados Moisés Diniz (PCdoB) e Thaumaturgo Lima (PT).

Maioria em tese
Assim, quando os debates esquentam na Aleac, a maioria da FPA acaba sendo minoria.

Eu que sei?
Chega e-mail perguntando por que a Narinha, aquela cantora de Assis Brasil, que aparece na televisão interpretando a músiquinha do governo faz tanto mungango? Eu é que sei, seu Zé!

Devidos lugares
Vamos colocar os números nos devidos lugares: da última pesquisa do Vox Populix e Ibope para essa da Datafolha, Dilma Rousseff (PT) caiu 5 pontos e Serra voltou passar na frente.

Faltou brilho
Ao time do Brasil, com uma boa defesa e um ataque que não é dos piores, faltou brilho, inteligência e criatividade no seu meio campo, formado somente de brucutus.

Sem alternativa
A se oficializar a decisão do TSE e o PT não se coligar no Acre com o PV, o principal prejudicado será o deputado federal Henrique Afonso (PV), porque neste caso faltaria legenda à reeleição.

Única saída
E assim a sua única saída seria o PV entrar na coligação da oposição para a Câmara Federal.

Ovo de pata
O candidato ao Senado, João Correia (PMDB), está seguindo a filosofia da pata, que coloca o ovo e não faz propaganda. Não se vê nele um mínimo de movimentação na mídia.

Belo artigo
O jornalista Nelson Liano foi feliz no seu artigo comparando a eleição ao futebol. Em tanto um como no outro o favoritismo, o salto alto, não são passaportes para a vitória.

Bom votado
Anotem na agenda para conferir após a eleição: o vereador Astério Moreira (PSB) virá bem votado para deputado estadual de Brasiléia e Epitaciolândia.

Não creio mais
Pode até ocorrer, mas não creio que ocorra, o depoimento do secretário do Governo, Pianko, acusado de abusar sexualmente de índias menores nas aldeias se valendo da força do cargo.

Não esperem
Os moradores de Sena Madureira não esperem  uma nova eleição no município antes de acontecer a eleição normal de outubro, ficando até lá o Wanderley Zaire como prefeito.

Ficou como?
Em que ficou aquele projeto aprovado na Câmara Municipal do vereador Astério Moreira (PRP) que autoriza os detentores de pontos nos mercados a passar em frente?

Nome digno
Entre os nomes dignos que disputam este ano a eleição de deputada estadual se encontra o da ex-governadora Iolanda Lima, que não tem uma nódoa na sua carreira política.

Encerrar isso
Os deputados da “CPI da Pedofilia” já deveriam ter acabado com isso, porque vai continuar se arrastando sem conseguir nada de produtivo no quesito de enquadramento de pedófilos. O relator Donald Fernandes (PSDB) e o presidente Luiz Tchê (PDT) nunca conseguiram falar a mesma língua. E se a CPI se findar hoje, com certeza ninguém iria sentir a sua falta porque já está morta, faltando apenas ser enterrada e marcar a missa de sétimo dia.

 

 

 

Assuntos desta notícia

Join the Conversation