Política nacional 20/07/2010

“…é um comportamento de idiota”.

Ministro Paulo Bernardo sobre Índio da Costa, que ligou o PT às narcoterroristas Farc.

Comício de Lula no Rio na mira do MP Eleitoral
Asubprocuradora-geral do Ministério Público Eleitoral, Sandra Cureau, diz que “faz parte do jogo” o PT ameaçá-la de processo por suposta “parcialidade” nas seis multas aplicadas ao presidente Lula por abuso eleitoral na campanha de Dilma Rousseff. E que vai analisar a denúncia de que Lula usou a FAB para o comício de sexta (16), no Rio – “compromisso privado”, na agenda oficial – e vídeo com carro oficial.

O vídeo da prova
O vídeo, hit na internet, mostra carro da prefeitura do Rio com propaganda de Dilma, antes do início do comício na Cinelândia.

De 8h às 18h
A filmagem foi o que mais chocou alguns procuradores, para quem Lula deveria se licenciar para promover Dilma num “compromisso privado”.

Estratégia
Dilma priorizou entrevistas a emissoras do Paraná. Deu certo: diminui a diferença para o tucano José Serra no Estado, segundo as pesquisas.

Bombando
Os moradores do Rio treinam nova (e mortal) modalidade para a Olimpíada de 2016 na cidade: caminhada de obstáculos com bueiros.

DF: candidato-fazendeiro
Gravação em vídeo, em que importante candidato ao governo do DF promete pagar com dinheiro do banco oficial BRB uma dívida com a compra de uma fazenda, pode revelar também crime de sonegação fiscal: o imóvel, de R$ 7 milhões, teria sido registrado no valor de R$ 1,5 milhão. Os antigos donos estão sujeitos a acusação de chantagem: dependendo do interlocutor, pedem R$ 50 milhões para “vender” ou para não divulgar o vídeo explosivo envolvendo o candidato-fazendeiro.

Relógio-espião
As imagens do candidato-fazendeiro foram feitas pelo interlocutor com uma microcâmera instalada em relógio de pulso, do tipo “espião”.

Beiço
Os antigos donos afirmam que receberam apenas R$ 300 mil de sinal  pela venda da propriedade ao candidato-fazendeiro, no DF.

Por decreto?
Aliados e até parentes do candidato ao governo do DF Joaquim Roriz juram que, se for eleito, ele promete fechar jornais que não o elogiam.

Doença da Carochinha
Oncologista de São Paulo confirma ser “delicado” o estado de saúde de Dilma Rousseff, como informou a coluna, domingo (18). Ela poderá enfrentar novas sessões de quimioterapia. Teria até procurado médicos do hospital Sírio e Libanês, de madrugada. Sua assessoria nega.

Roriz lidera
Pesquisa do instituto Dados (TRE nº 19.136/10) mostra que Joaquim Roriz (PSC) supera Agnelo Queiroz (PT) na espontânea (18,3 x 14,5%) e na estimulada (36,3 x 27,5%), mas é o mais rejeitado (25,4 x 13,6%).

Indústria está pronta…
Após longa resistência à lei, a industria automotiva está pronta para implantar o sistema antifurto. Os veículos sairão de fábrica com “chips” capazes de localizá-los usando tecnologia GSM de celulares.

…à exceção da Fiat
A Fiat é a única que não se preparou e continua resistindo ao sistema antifurto. Sua empresa Magneti Marelli, dirigida pelo argentino Alberto Gerardi, nem sequer certificou os equipamentos em padrões técnicos.

Indio ‘Triller’
Ex-colegas de Índio da Costa (vice de Serra) no colégio Andrews, no Rio, lembram de suas imitações de Michael Jackson, nas festas. Quase um profissio-nal: tinha toda indumentária, até luvas cobertas de paetês.

TREM bão
Na Paraíba, rebatizaram a sigla do Tribunal Regional Eleitoral, após a descoberta da nomeação, na repartição, de 17 supostos parentes do governador: “TREM”. M de (José) Maranhão, claro.

Na lata
Lula deu o troco, ontem, ao cartola Ricardo Teixeira, lembrando que Fifa e a CBF levaram um ano e meio para definir as sedes da Copa de 2014 e agora reclamam de “atraso” nas obras de estádios e aeroportos.

Mandou, chegou?
A carta de demissão de Bruno deve ter sido enviada pelo Flamengo pelos Correios, porque até ontem não havia chegado. Outra copia seguiu em mãos, como nos tempos da carruagem. Esta chegará.

Dinheiro do céu
Lula afirmou que a Copa de 2014 será “verde”. Ninguém duvida, com a chuva de verdinhas que vai cair nos velhos quintais de sempre.

 PODER SEM PUDOR

Cota gaúcha
O deputado Aldo Rebelo (PCdoB-SP) era ministro da Coordenação Política de Lula e se enrolou, certa vez, ao citar o colega Olívio Dutra. Quando se referia a “Tarso” (Genro) como o ministro das Cidades, foi corrigido pelos repórteres. Mas não perdeu o rebolado:
– É tudo gaúcho…

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation