BNDES abre concurso para cadastro de reserva

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) abriu inscrições ontem (19) para o concurso para formação de cadastro de reserva para cargos de nível médio e superior, com salários, respectivos, de R$ 2.496,59 e R$ 7.836,15.

De nível superior o cargo é de profissional básico para formações de análise de sistemas – suporte, arquitetura, arquivologia e direito. Para nível médio o cargo é de técnico administrativo.

A seleção pública se destina a selecionar candidatos para formação de cadastro para provimento de vagas futuras no município do Rio de Janeiro. Entretanto, de acordo com as necessidades de serviço, o candidato poderá ser lotado em unidade localizada em qualquer outra cidade onde o BNDES atue ou venha a atuar, inclusive no exterior.

Exige-se ainda dos candidatos ao cargo de profissional básico a disponibilidade para realizar viagens a serviço, no país ou no exterior. Eventualmente, poderá haver a necessidade de o trabalho ser realizado em finais de semana e/ou feriados, sendo que para a formação análise de sistemas – suporte haverá a possibilidade de o trabalho ser rea-lizado em horário noturno.

Serão classificados para cada cargo/formação o quantitativo máximo de 100 candidatos para análise de sistemas – suporte, 10 para arquitetura, 10 para arquivologia, 200 para direito e 200 para técnico administrativo.

Será admitida a inscrição somente via internet, até às 23h59 de 8 de agosto, pelo site www.cesgranrio.org.br, ou nos postos credenciados constantes do anexo I do edital. A taxa é de R$ 64,00 para nível superior e de R$ 34,00 para nível médio.

Para os cargos de nível superior a seleção será feita através da aplicação de provas objetivas e discursiva. Para nível médio a seleção será feita através da aplicação de provas objetivas e prova de redação.

As provas objetivas, discursivas e a redação deverão ser realizadas no dia 19 de setembro.

As provas serão realizadas em Belém/PA, Brasília/DF, Porto Alegre/RS, Recife/PE, Rio de Janeiro/RJ e São Paulo/SP. O candidato deverá optar pela cidade onde deseja realizar as provas e pelo idioma (espanhol ou inglês). Caso não haja especificação correta do idioma, fica estabelecido que o candidato fará a prova de inglês. (G1)

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation