Ainda os ‘apagões’

A forte reação do Governo do Estado e do Ministério Público Estadual contra o descaso que vem sendo impingido ao Acre com os ‘apagões’ valeram. Porém, não podem ficar só nisso.

Como o próprio representante da Eletrobras em Rondônia admitiu o problema só será resolvido quando for construída a segunda linha de transmissão, o segundo ‘linhão’, e isso só deverá ocorrer no próximo ano, mas sem data ainda prevista.

Ou seja, o Estado, como parte de Rondônia, estarão sujeitos a sofrer novos blecautes se medidas emer-genciais não forem tomadas para suprir a deficiência do atual sistema e deveria ser justamente a adoção dessas medidas que devem ser cobradas ao Governo Federal, através das empresas do setor energético.

Palavras são palavras que se perdem ao vento e ações judiciais, sabe-se, quanto tempo demandam para serem decididas.

O que se tem a fazer, portanto, é exigir garantias concretas de que o problema não se repetirá com essa freqüência abusiva e com as conseqüências funestas que se repetem a cada ‘apagão’. E isso tem que ser feito agora, já. 

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation