Em nota, TAM diz não ser responsável por destelhar residência no Morada do Sol

Em resposta enviada ontem a tarde ao jornal A GAZETA a TAM Linhas Aéreas disse que sua aeronave Airbus A-320, que fazia seu pouso na tarde do último domingo (11), não foi responsável por destelhar uma residência no bairro Morada do Sol. Em nota, a aérea afirmou que o imóvel está a cerca de 18 quilômetros do Aeroporto de Rio Branco.

O avião, continua a resposta, operava em condições normais de pouso. “A aeronave se aproximava para o pouso na Capital do Acre em altitude e condições normais de operação”. Conforme a empresa, o Airbus estava com o motor a potência reduzida e em desaceleração. Outro fator considerado para descartar impactos é que ele estava a quase 700 metros de altitude e a 250 de distância lateral da residência.

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation