Presidiário comercializava maconha e cocaína dentro de Presídio

A descoberta do tráfico de drogas dentro do Presídio Manoel Neri, na cidade de Cruzeiro do Sul, Vale do Juruá, aconteceu durante uma revista realizada por agentes penitenciários que prestam serviço naquela unidade prisional.

mcdentro
Segundo informações, os agentes descobriram 154 trouxinhas de maconha e cocaína escondidas dentro de um colchão pertencente ao presidiário João Moreira da Silva, também conhecido pelo apelido de João Balseiro.

João Moreira cumpre pena por crime de homicídio e é considerado preso de alta periculosidade.

Em 2005, João teria participado de uma rebelião e teria sido um dos lideres.

Na época ele foi transferido para o Presídio de Rio Branco, sendo internado no Presídio Antonio Amaro no Regime de Disciplina Diferenciado – RDD, mas em seguida conseguiu na Justiça retornar a cumprir o restante da pena em Cruzeiro do Sul.

Ao retornar ao Presídio Manoel Neri, João Balseiro passou a liderar os demais detentos.

 João foi encaminhado a Delegacia de Polícia daquela cidade e se  negou a colaborar com a Polícia alegando que somente falaria em juízo, mesmo assim o presidiário floi indiciado por tráfico de drogas.

Assuntos desta notícia


Join the Conversation