Assinatura de convênio garante pavimentação e melhoria de ramais

O governador Binho Marques participou ontem, 7, do ato de assinatura da liberação da ordem bancária de mais de R$ 10 milhões para recuperação e piçarramento  de 373  quilômetros de  ramais no PAD Peixoto, em Senador Guiomard, e do protocolo de repasse de  quatro patrulhas mecanizadas para as prefeituras de Porto Acre, Acrelândia, Brasiléia e Epitaciolândia. A ordem bancária é relativa à última parcela do convênio 12.000/2008 e a aquisição das patrulhas somam investimentos de R$ 10,1 milhões.
Ramais-2010
A cerimônia foi realizada no gabinete do superintendente do órgão, Thaumaturgo Neto, e contou com as presenças dos secretários de Estado, Fábio Vaz (Governo), Nilton Cosson (Extensão Agro-florestal e Produção Familiar), Mauro Ribeiro (Agricultura e Pecuária), Marcos Alexandre (Deracre), Paulo Viana (Instituto de Defesa Agroflorestal), e Aníbal Diniz (Comunicação Social), do secretário-adjunto de Articulação Institucional, Miguel Félix; dos prefeitos Paulo Araújo (Acrelândia), José Ronaldo (Epitaciolândia), Leila Galvão (Brasiléia) e José Maria (Porto Acre), e a delegada  regional do Ministério de Desenvolvimento Agrário, Tatiana Balzon, além de lideranças de trabalhadores rurais como Sebastiana Miran-da, presidente da Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Acre (Fetacre).

Segundo o Incra, o recurso garante a melhoria gradativa de 2.282 quilômetros de ramais, os quais vão sendo recuperados e piçarrados de acordo com a condição climática. Mais de 13,8 mil famílias estarão sendo beneficiadas em 31 projetos de assentamento federais. Cada patrulha mecanizada custou R$ 2,5 milhões, sendo composta por pá carregadeira, trator de esteira, caminhão basculante, motoniveladora, retroescava-deira, rolo compactador e caminhões. As máquinas serão repassadas às prefeituras. Em Porto Acre, ainda segundo o Incra, serão recuperados 600 quilômetros em nove assenta-mentos; Acrelândia terá 645 km melhorados em nove projetos; para Brasiléia e Epitaciolândia são mais de 650 km de vicinais em quatro assentamentos.
Na mesma cerimônia, o Incra lançou chamada pública para seleção e contratação de organizações que trabalham com assistência técnica e ex-tensão para atender ao progra-ma de Assistência Técnica Social e Ambiental, além da elaboração de  planos de desenvolvimento sustentável de assentamentos. De acordo com o Incra, estão sendo disponibilizados R$ 8,1 milhões para o atendimento a 10,76 mil famílias em 13 núcleos operacionais do órgão. Mais informações estão no site do Incra: www. incra.gov.br.

Para o governador, o ato do Incra é de grande importância porque os recursos permitem fazer serviços duradouros. “Vamos poder fazer algo que não se perca no ano seguinte”, disse.  No Acre, a malha de ramais que já era grande cresceu devido ao programa Luz Para Todos, podendo chegar a 8.000 quilômetros. “Quando o governador Jorge Viana assumiu, tínhamos de fazer tudo, e quando eu assumi falei que íamos fazer mais pelos ramais porque o Jorge Viana fez muito nas rodovias estaduais e federais. Este ano, vamos comemorar 250 quilômetros de ramais asfaltados e o próximo governador poderá fazer ainda mais nos ramais”, declarou o governador, ressal-tando o envolvimento do presidente Lula com o projeto acreano ao mesmo tempo fa-zendo especial referência ao trabalho de Thaumaturgo Neto à frente do Incra. “Não podemos deixar de ressaltar como as coisas avançam com o Neto”, lembrou Binho Marques.

De seu lado, Thaumaturgo Neto agradeceu a parceria do Governo do Estado e o envolvimento de parlamentares que se dedicam ao bem-estar da população e ao desenvol-vimento do Acre. “Para mim, é um evento muito importante porque ratifica a parceria do governo com o Incra”, disse Neto.  Para Sebastiana Miranda, a preocupação não deve ser somente com ramais, todavia lembrando sempre que ao longo das estradas vivem pessoas. Ela frisou a atuação do governador nessas questões. “Binho não é de ficar falando, mas age”.

Os prefeitos comemora-ram os acordos: “É motivo de alegria participar de uma reunião tão produtiva como esta. Saímos daqui alegres e satisfeitos”, disse Paulo Araújo. “O Governo Federal e estadual têm sido parceiros dos municípios”, afirmou José Ronaldo. O prefeito José Maria citou as dificuldades que as prefeitura enfrentam e enalteceu o evento: “Quero expressar a alegria das pessoas que moram nos assentamentos, os que mais precisam desse esforço”. Já a prefeita Leila Galvão se mos-trou especialmente satisfeita com os convênios, uma vez que atuou de forma intensa para que as patrulhas fossem liberadas. “Fico feliz de participar de um ato em sua concretização”, declarou. (Agência Acre)

 

Assuntos desta notícia

Join the Conversation