Política nacional 04/08/2010

“Para quem está no governo, oito anos não são nada”.

Presidente Lula, ao destacar que, para a oposição, oito anos são “uma eternidade”.

Dilma vetava abertura de capital da Infraero
Oex-presidente da Infraero Paulo Gaudenzi deve ter tomado um susto com a súbita defesa que Dilma Rousseff (PT) fez da abertura de capital para salvar a empresa estatal. Quando ele estava no cargo, levou essa proposta à Casa Civil, mas a então ministra, sempre colérica, defendia algo revelador de ignorância ou má-fé: vender aeroportos lucrativos, sendo que vários, como Galeão (Rio) e Brasília, são bases militares.

Aqui não é meu lugar
Vendo rejeitada sua idéia para salvar a Infraero, Paulo Gaudenzi, rara reserva moral no governo Lula, pediu demissão em dezembro de 2008.

Investidores
Quando Paulo Gaudenzi sugeriu a abertura de capital da Infraero, vários investidores manifestaram interesse, como a Air France.

Plantão médico
Recado de Dilma no twitter sobre seu estado de saúde, após a visita ao COB: “candidato em época de eleição tem energia de atleta olímpico”.

Se a moda pega…
O técnico norte-coreano Kim Jong Hun está em trabalhos forçados por “trair a confiança” da ditadura, após as derrotas na Copa da África.

Lula quer o Censo
O Censo 2010 foi apressado por ordem direta do presidente Lula. Ele quer divulgar os resultados do censo antes das eleições, certo de que vários indicadores mostrarão resultados positivos do seu governo, como a diminuição da pobreza absoluta, a ascensão social de milhões de brasileiros para a classe média e o aumento de bens de consumo nas famílias brasileiras, como automóveis, televisores, geladeiras etc.

Factoide 2010
Lula e o IBGE pedem “a verdade”, no Censo 2010, mas ainda nem chegaram, na maioria das cidades, equipamentos para recenseadores.

Dá para desenhar?
O IBGE inaugura o “padrão Lula de recenseamento”: questionário sem o item “escolaridade”. Padrão sutil de escamotear o fracasso do ensino.

Se inveja matasse…
Ao receber Paul Biya, presidente de Camarões, que lembra papo com cerveja, Lula pode descobrir a mágica do africano, reeleito desde 1982.

Mulheres rorizistas
Pesquisa Exata, divulgada ontem no DF, revela empate entre eleitores homens, nas intenções de voto para governador: Joaquim Roriz (PSC) 37,2% e Agnelo Queiroz (PT) 37%. As mulheres preferem Roriz (44%) a Agnelo (26,9%). No geral, o placar está 40,9% x 31,5% para Roriz.

Serra quem?
Contaram uma fofoca a José Serra: não se viu um só santinho dele no churrasco festivo dos 60 anos do senador Heráclito Fortes (DEM), com a presença do candidato do PSDB ao governo do Piauí, Silvio Mendes.

Concursos limpos
Liderado pelo professor Wilson Granjeiro, de Brasília, o Movimento de Moralização dos Concursos finalmente conseguiu: projeto do deputado Felipe Maia (DEM-RN) prevê até oito anos de prisão para quem fraudar concursos públicos. O Código Penal é omisso nessa matéria.

Corda no pescoço
Ahmadinejad aplicou em Lula a versão iraniana do “por que não te calas?”. Estivesse lá e insistisse no asilo à “adúltera” condenada à morte por apedrejamento, o brasileiro corria o risco de morrer na forca.

Que vergonha…
Com sua ótima entrevista a Mirian Dutra, da GloboNews, o jornalista cubano Julio Cezar Galvéz, deportado para a Espanha, deixou os telespectadores ainda mais envergonhados com a atitude de Lula, que virou as costas aos presos políticos da ditadura dos irmãos Castro.

Eu não sou ele
O conselheiro federal da OAB Paulo Medina agora espera que, aposentado compulsoriamente ontem, o ministro homônimo do STJ vai sumir do noticiário. Medina já não agüentava ser confundido com o magistrado, que, para piorar, também nasceu em Juiz de Fora (MG).

Zorra aérea
É atestado de amadorismo a nota da Gol sobre os atrasos de segunda nos aeroportos: aconteceram quando finalizava a “implementação de novo sistema de escala de pilotos e comissários”. Na volta das férias?

Viajando na maionese
O ministro Luiz Barretto (Turismo) deu a melhor explicação até agora para o caos aéreo de segunda-feira: (atrasos e cancelamentos) foram passageiros e pontuais. Passageiros foram, já as empresas…

Pergunta no censo
Será que Lula respondeu ao questionário completo ou foi poupado pelo nível de escolaridade?

PODER SEM PUDOR

Caça ao eleitor

Contam, em Divinópolis (MG) que certa vez o vereador Dé Pasteleiro (PMDB) recebeu uma ligação no celular pedindo o seu comparecimento urgente na sede do partido, para assinar documentos necessários ao registro de sua candidatura à reeleição. A resposta de Pasteleiro:
– Agora não posso. O velório tá bom demais de voto…

Assuntos desta notícia


Join the Conversation